Saltar para o conteúdo principal da página

Mosteiro dos Jerónimos

Obra-prima da arquitetura portuguesa do século XVI, está classificado como Monumento Nacional e inscrito na lista de Património Mundial da UNESCO (1983). O Mosteiro dos Jerónimos situa-se numa das zonas mais qualificadas de Lisboa, um cenário histórico e monumental junto ao rio Tejo, local de onde partiram as naus e caravelas no tempo das Descobertas que viriam a dar “novos mundos ao mundo”. Na imponente fachada do Mosteiro, que se prolonga por cerca de trezentos metros, ergue-se o Portal Sul da Igreja, ricamente decorado, onde se destacam as imagens do Santo Patrono de Portugal, Arcanjo S. Miguel (ao cimo) e a imagem de Santa Maria de Belém, ou Nossa Senhora dos Reis (ao centro).

Ligado simbolicamente aos mais importantes momentos da memória nacional, o Mosteiro dos Jerónimos (ou Real Mosteiro de Santa Maria de Belém) foi fundado pelo rei D. Manuel I no início do século XVI. As obras iniciaram-se justamente no virar do século, lançando-se a primeira pedra na data simbólica de 6 de Janeiro (dia de Reis) de 1501 ou 1502. Doado aos monges Jerónimos, que aqui permaneceram até ao segundo quartel do século XIX, o Mosteiro dos Jerónimos é um verdadeiro “cântico” ao estilo manuelino pela profusão de elementos religiosos, náuticos e régios eternizados na pedra. O conjunto monástico conserva, ainda hoje, além da igreja manuelina, grande parte  das magníficas dependências conventuais que contribuíram para a sua fama internacional, incluindo o Claustro quinhentista, o antigo Refeitório dos monges e a sala da Antiga Livraria. 

Conteúdos editados pela DDCI.

Parta à descoberta com:

Contactos e
Localização

Tutela:
DGPC
Director(a):
Dalila Rodrigues
Endereço:
Praça do Império 1400-206 Lisboa
GPS:
Lat: 38,697890839496225 Long: -9,206703901290894
Telf(s):
+351 213 620 034
E-mail:
geral@mjeronimos.dgpc.pt
Site:
http://www.mosteirojeronimos.pt/

Comboios: Estação de Belém
Autocarros urbanos: 727, 28, 729, 714 e 751
Eléctricos: 15
Barco: Estação fluvial de Belém

Estacionamento: Disponível para automóveis e autocarros no parque de estacionamento público em frente ao monumento, com ampla capacidade.

Acessibilidade: Acessibilidade para pessoas com mobilidade reduzida na Igreja e Claustro Inferior. Percurso táctil para invisuais.

Outubro a abril, das 10h00 às 17h00. Maio a setembro, das 10h00 às 18h30

Domingos e Feriados religiosos de - Outubro a Abril, das 14h00 às 17h00.

Domingos e Feriados religiosos de Maio a Setembro, das 14h00 às 18h00.

Encerrado: Segunda-feira, 1 de janeiro, domingo de Páscoa, 1 de maio, 13 de junho, 24 e 25 de dezembro.

O horário limite para a compra de bilhetes:

Inverno, até às 16h45

Verão às 17h45

Ingresso

Bilhete normal: 10,00 €

Bilhética on-line DGPC - adquira aqui

Condições de ingressos no Museus e Monumentos da DGPC - consulte aqui

O horário limite para a compra de bilhetes:

Inverno, até às 16h45

Verão às 17h45

Isenções:

Entrada gratuita aos domingos e feriados até às 14h00 para todos os cidadãos residentes em território nacional.

. Crianças e jovens até aos 12 anos inclusivé*
. Visitantes em situação de desemprego residentes na União Europeia*
. Visitantes com mobilidade reduzida (60% de incapacidade comprovada documentalmente) e 1 acompanhante.
. Membros do ICOM, ICOMOS e APOM
. Investigadores, /conservadores/restauradores, profissionais de museologia e/ou património em exercício de funções*
. Associações culturais (Exclusivamente para os associados de Grupos de Amigos dos Museus, Monumentos e Palácios da DGPC*
. Voluntários em exercício na Direção-Geral do Património Cultural e 1 acompanhante*
. Jornadas Europeias do Património (Domingo)
. Dia Internacional dos Monumentos e Sítios - 18 de Abril (Exclusivamente para os Monumentos sob tutela da DGPC)
. Dia Internacional dos Museus - 18 de Maio (Exclusivamente para os museus e palácios sob a tutela da DGPC)
. Noite dos Museus e 5ªas á Noite (No acesso às atividades organizadas no âmbito do respetivo programa organizado pela DGPC)
. Profissionais de atividade turística mediante apresentação de comprovativo de registo no RNAAT
. Jornalistas em exercício de funções* mediante comunicação prévia
. Funcionários da DGPC* e 3 acompanhantes
. Professores e alunos de qualquer grau de ensino, incluindo Universidades Sénior ou de 3ª Idade, quando comprovadamente em visita de estudo e mediante marcação prévia confirmada pela Direção do SD*
. Grupos credenciados de Instituições Portuguesas de Solidariedade Social ou de Áreas de Ação Social de Autarquias ou outras Instituições de Interesse Público mediante autorização prévia da Direção da DGPC

* Mediante comprovação documental.

Descontos:

Visitantes com idade igual ou superior a 65 anos* - 50%
Cartão de estudante não enquadrado em visita de estudo - 50%
Cartão Jovem - 50%
Bilhete Família (1/2 adultos + mínimo 2 menores de 18 anos) 50%
Protocolos com entidades terceiras - 20%
Aquisições superiores a 250 bilhetes por tipologia e com antecipação mínima de 48h - 7,5%
Aquisições superiores a 500 bilhetes por tipologia e com antecipação mínima de 48h - 10%
Aquisições superiores a 1000 bilhetes por tipologia e com antecipação mínima de 48h - 15%

* Mediante comprovação documental.



NORMAS GERAIS
É obrigatória marcação prévia para grupos superiores a 50 pessoas.
Os descontos de quantidade não se aplicam a Bilhetes de Circuito.
Todos os descontos aplicados a bilhetes individuais são aplicáveis a Bilhetes de Circuito e a visitas guiadas com exceção das visitas guiadas fora do horário de funcionamento.
Os vouchers emitidos na aquisição antecipada de bilhetes têm a validade de 1 ano.
Os descontos não são acumuláveis.
É proibido fumar ou comer em qualquer local do circuito de visita.

- Cedência e aluguer de espaços (condições)

- Loja

- Vistas guiadas (reserva) - Formulário

O Serviço Educativo do Mosteiro dos Jerónimos tem na visita guiada o principal meio de mediação. A visita geral e as visitas temáticas adaptam-se ao perfil etário, às necessidades e às expectativas de conhecimento e de fruição de todos os públicos. Partindo da observação, estimulando a indagação, a reflexão e o espírito crítico, abordam-se nas visitas guiadas as linguagens artísticas e os programas iconográficos. Assumem relevância as informações relativas a contextos históricos, a materiais e empreitadas artísticas, a mecenas e autorias, assim como as respeitantes ao âmbito da função ou do uso pelos destinatários. Se o visitante pretender aprofundar os seus conhecimentos, antes ou após a visita, poderá solicitar o envio, através de e-mail, de referências bibliográficas.

Público geral e público escolar A visita geral e as visitas temáticas têm como base as componentes históricas e artísticas do conjunto patrimonial comumente conhecido por “Mosteiro dos Jerónimos”, que inclui a Igreja de Santa Maria de Belém, aberta ao culto, e o Claustro. Enquanto na visita geral os participantes percorrem o conjunto patrimonial constituído pela Igreja e pelo Claustro, valorizando-se a sequência Portal Sul, Portal Ocidental, interior da Igreja e os dois pisos do Claustro, as visitas temáticas incidem, com maior nível de profundidade, em partes do conjunto patrimonial e/ou em temas concretos. Visitas temáticas Visita 1: O interior da Igreja de Santa Maria de Belém: da fundação aos túmulos Oitocentistas Visita 2: Os Portais da Igreja de Santa Maria de Belém: Linguagens Artísticas e Programas Iconográficos Visita 3: O Claustro do Mosteiro dos Jerónimos: Linguagens Artísticas e Programas Iconográficos   Público escolar O Serviço Educativo do Mosteiro dos Jerónimos oferece visitas guiadas aos alunos de todos os graus de ensino, do pré-escolar ao universitário, adaptadas aos diferentes níveis e âmbitos disciplinares. As visitas guiadas destinadas ao público escolar adaptam-se aos programas de diferentes disciplinas, designadamente, entre outras, Estudo do Meio, História, Educação Visual e Português. Os docentes, no ato de marcação das visitas, deverão indicar o nível de ensino e o âmbito disciplinar em que estas se realizam.    

MARCAÇÃO DE VISITAS GUIADAS Público geral e Público escolar Nota prévia: Tendo em conta a atual situação da pandemia COVID-19, o Serviço Educativo do Mosteiro dos Jerónimos segue com rigor o normativo e as recomendações da Direção-Geral da Saúde. Assim, os grupos são constituídos por 5 a 10 pessoas, contando com o apoio de dois Técnicos do Serviço Educativo. É obrigatório o uso de máscara e garantido o distanciamento físico de 1 a 2 metros entre cada participante.

Marcação com a antecedência mínima de uma semana, através de e-mail ou contacto telefónico. Tito Seixas / Paulo Medeiros servicoseducativos@mjeronimos.dgpc.pt   telefone: 213620034  

Museus e Monumentos

Os museus e os monumentos são lugares únicos que nos proporcionam experiências memoráveis e uma aprendizagem indispensável à formação da identidade.

Pela sua beleza e pelo seu enquadramento, pelas suas coleções e pela sua programação cultural, são espaços que transmitem valores, despertam memórias e interagem com a contemporaneidade. Esta área do website dá-lhe o acesso a toda a informação útil respeitante a cada um dos 25 Museus e Monumentos a cargo da DGPC.

É-lhe igualmente disponibilizada informação completa respeitante aos 156 museus agregados na Rede Portuguesa de Museus, credenciados pela DGPC.

+ Monumentos e Museus DGPC

+ Rede Portuguesa de Museus