Saltar para o conteúdo principal da página

Terra adentro. A Espanha de Joaquin Sorolla

<p>Catálogo de exposição realizada no Museu Nacional de Arte Antiga, organizada em parceria com o Museo Sorolla, Madrid, e comissariada por Carmen Pena, reúne 118 pinturas de Joaquín Sorolla y Bastida (Valência, 1863 - Cercedilla, 1923) pertencentes à coleção daquele Museu e outras provenientes de coleções particulares de Espanha.</p>
<p></p>
<div>Trata-se de uma versão aumentada e enriquecida da exposição de 2016, SOROLLA TIERRA ADENTRO, que, em Madrid, mostrou como Sorolla deu a conhecer novas versões das diversas paisagens espanholas, dotando-as de um novo sentido e significado. Predominam na mostra as paisagens que o mestre espanhol do «ar livre» e da «luz intensa» executou nas suas viagens pela Espanha da viragem dos século XIX para o século XX, desde a sua Valência natal até ao País Basco e à Andaluzia, participando num movimento cultural que buscava uma outra imagem do país, alheada da representação historicista de glórias passadas e encontrando-a na pura paisagem, tanto das regiões da periferia peninsular quanto nos campos da Mancha ou de Castela e seus monumentos.</div>
<p></p>
<div>A seleção de peças contempla também algumas pinturas fundamentais da sua «imagem de marca»: as cenas de beira-mar em praias do Levante, com as brincadeiras estivais de crianças e jovens veraneantes e a faina dos pescadores das costas de Valência.</div>
<p>Sorolla é um dos grandes vultos da pintura moderna europeia e continua a ser muito mal conhecido em Portugal. Esta é uma oportunidade para se contactar com um núcleo fundamental da sua obra, antes mesmo da grande exposição antológica que a National Gallery de Londres prepara para a Primavera de 2019.<br /><br /><br /><strong>COMISSÁRIA</strong><br />Carmen Pena</p>

Catálogo de exposição realizada no Museu Nacional de Arte Antiga, organizada em parceria com o Museo Sorolla, Madrid, e comissariada por Carmen Pena, reúne 118 pinturas de Joaquín Sorolla y Bastida (Valência, 1863 - Cercedilla, 1923) pertencentes à coleção daquele Museu e outras provenientes de coleções particulares de Espanha.

Trata-se de uma versão aumentada e enriquecida da exposição de 2016, SOROLLA TIERRA ADENTRO, que, em Madrid, mostrou como Sorolla deu a conhecer novas versões das diversas paisagens espanholas, dotando-as de um novo sentido e significado. Predominam na mostra as paisagens que o mestre espanhol do «ar livre» e da «luz intensa» executou nas suas viagens pela Espanha da viragem dos século XIX para o século XX, desde a sua Valência natal até ao País Basco e à Andaluzia, participando num movimento cultural que buscava uma outra imagem do país, alheada da representação historicista de glórias passadas e encontrando-a na pura paisagem, tanto das regiões da periferia peninsular quanto nos campos da Mancha ou de Castela e seus monumentos.

A seleção de peças contempla também algumas pinturas fundamentais da sua «imagem de marca»: as cenas de beira-mar em praias do Levante, com as brincadeiras estivais de crianças e jovens veraneantes e a faina dos pescadores das costas de Valência.

Sorolla é um dos grandes vultos da pintura moderna europeia e continua a ser muito mal conhecido em Portugal. Esta é uma oportunidade para se contactar com um núcleo fundamental da sua obra, antes mesmo da grande exposição antológica que a National Gallery de Londres prepara para a Primavera de 2019.


COMISSÁRIA
Carmen Pena

Referência: IPPBLIV18910250

Dimensões:

Peso:

Unitário
Preço
35,00€

Veja também:

Ricordo di Veneza

Referência: IPPBLIV15312050

Preço Unitário:
22,50€

A Custódia de Belém Inglês

Referência: IPPBLIV10832501

Preço Unitário:
35,00€

Preço Unitário:
25,00€