Saltar para o conteúdo principal da página

Monte da Palheta e Ermida de São Barnabé - detalhe

Designação

Designação

Monte da Palheta e Ermida de São Barnabé

Outras Designações / Pesquisas

Monte da Palheta e Ermida de São Barnabé(Ver Ficha em www.monumentos.gov.pt)

Categoria / Tipologia

-

Inventário Temático

-

Localização

Divisão Administrativa

Évora / Redondo / Redondo

Endereço / Local

Herdade da Palheta
Redondo

Proteção

Situação Actual

Classificado

Categoria de Protecção

Classificado como IM - Interesse Municipal

Cronologia

Deliberação de 16-07-2003 da CM de Redondo

ZEP

-

Zona "non aedificandi"

-

Abrangido em ZEP ou ZP

Abrangido por outra classificação

Património Mundial

-

Descrição Geral

Nota Histórico-Artistica

O espaço que deu origem ao Monte da Palheta é referido na documentação desde o século XV, estando então incluído no vasto património do Convento de São Paulo da Serra d'Ossa. (ESPANCA, 1975, p. 326). A partir do século XVIII pertenceu a vários proprietários.
O conjunto arquitectónico que actualmente compõe a herdade deve-se a uma profunda ampliação levada a cabo pelos proprietários na segunta metade do século XIX.
Na verdade, o Monte da Palheta é considerado o «expoente máximo do típico monte de herdade, sede de exploração de grandes latifúndios na segunda metade do século do séc. XIX, quando a agricultura alentejana conhece uma transformação de fundo após a desamortização dos bens eclesiásticos» (FONSECA, 1996).
De planta composta, o conjunto é formado pelo edifício principal - a Casa do Lavrador - ao qual se juntavam diversas construções subjacentes, destinadas a habitação dos empregados e serviços de lavoura, nomeadamente os celeiros, a queijaria, o lagar e adega, a ferraria.
Através do relato de Túlio Espanca podemos recriar a estrutura da profanada Ermida de São Barnabé, «com portal discreto, arredondado e de cruz relevada», cujo interior albergava um retábulo barroco de talha joanina, dourada e policromada, que integrava uma tela com a representação de Nossa Senhora da Conceição (ESPANCA, ibidem).
Catarina Oliveira
DIDA/ IGESPAR, I.P./ Dezembro de 2010

Imagens

Bibliografia

Título

Inventário Artístico de Portugal - vol. IX (Distrito de Évora, Zona Sul, volume I)

Local

Lisboa

Data

1978

Autor(es)

ESPANCA, Túlio

Título

O Alentejo no Século XIX. Economia e Atitudes Económicas

Local

Lisboa

Data

1996

Autor(es)

FONSECA, Helder Adegar