Saltar para o conteúdo principal da página

Caminho Real (troço sul) - detalhe

Designação

Designação

Caminho Real (troço sul)

Outras Designações / Pesquisas

Troço do Caminho Real da Pederneira, situado junto à Ponte das Barcas / Caminho Real da Pederneira (Ver Ficha em www.monumentos.gov.pt)

Categoria / Tipologia

-

Inventário Temático

-

Localização

Divisão Administrativa

Leiria / Nazaré / Nazaré

Endereço / Local

Caminho Caminho Real
Pederneira (serra)

Proteção

Situação Actual

Classificado

Categoria de Protecção

Classificado como SIM - Sítio de Interesse Municipal

Cronologia

Edital de 20-02-2009 da CM da Nazaré
Deliberação da Assembleia Municipal de 19-02-2009
Proposta de 9-02-2009 do POU da CM Nazaré
Despacho de revogação de 20-02-2009 do director do IGESPAR, I.P.
Despacho de abertura de 23-01-2009 do director do IGESPAR, I.P.
A LAN propôs a reapreciação em 28-12-2008
Parecer negativo do IPA de 26-04-2005
A Liga dos Amigos da Nazaré propôs a classificação de um troço do caminho real com cerca de 2 kms, entre a Ponte das Barcas e a Pederneira em 2005

ZEP

-

Zona "non aedificandi"

-

Abrangido em ZEP ou ZP

Abrangido por outra classificação

Património Mundial

-

Descrição Geral

Nota Histórico-Artistica

Imóvel
O Caminho Real liga a Pederneira à EN-242, junto à Ponte da Barca, situando-se o troço classificado na zona mais a sul, a qual apresenta grande qualidade paisagística.
Embora parcialmente coberto por alcatrão, encontram-se vestígios de calçada de pedra relativamente pequena, mal aparelhada e de dimensões irregulares (espécie de calhau rolado) com enchimento de terra ou argamassa. Lateralmente está rematada por pedras aparelhadas que servem de travamento ao dispositivo. Conforme é salientado no parecer do Conselho Consultivo de 30-4-2009, esta classificação deverá incidir "sobretudo na salvaguarda e preservação da memória do sítio, impedindo a interrupção e desvio do traçado e destacando através de sinalética apropriada a importância de um caminho que durante séculos serviu as populações locais".
História
"O primitivo porto interior da lagoa da Pederneira foi utilizado desde os tempos mais remotos, possivelmente ainda na época neolítica. Muito mais tarde, no século XIII, os monges de Alcobaça exportavam sal a partir da Pederneira, e nos séculos XIV e XV, apesar dos problemas de assoreamento da barra, o porto detinha grande importância económica. Em finais do século XVI, as condições de navegabilidade estavam de tal forma degradadas que o porto foi mudado para a recém-fundada vila da Pederneira, a norte da povoação antiga que se tinha desenvolvido junto da lagoa. É próximo deste local que se encontram ainda os vestígios mais antigos do Caminho Real, cujo traçado, na sua maior parte, foi posteriormente muito alterado.
Embora seja possível remeter a origem do caminho para uma data tão longínqua como o século XIII, a sua utilização como via principal não deverá portanto ser considerada antes de finais do século XVI. O caminho começa precisamente a ser referido a partir dessa altura, e particularmente a partir do início de Seiscentos. No século seguinte, a vereação da Pederneira solicita à Coroa a reparação do caminho calcetado entre a ladeira da Barquinha (junto da Ponte das Barcas) e Famalicão, por onde se fazia o transporte de madeira do pinhal de Leiria, para ser embarcado em direção a Lisboa. Sabe-se que o caminho era parcialmente calcetado, pelo menos a partir do século XVIII. A existência de troços não calcetados ficou documentada na mesma altura. Em 1794, William Beckford relata uma viagem por estes caminhos, que incluiriam troços muito precários.
Diversas sondagens no Caminho Real permitiram encontrar vestígios de um pavimento de empedrado na zona mais íngreme do percurso, num troço de 435 metros entre o cruzamento da EN-242 com a estrada municipal que liga a Ponte das Barcas à EN-8-5. Este troço sul do traçado do Caminho será o único pavimento original encontrado até à data, e aquele sobre o qual recai a classificação de Interesse Municipal" (transcrito de Sílvia Leite / DIDA - IGESPAR, I.P. / 2010).
Maria Helena Ribeiro dos Santos, DGPC, 2015
Colaboração de Carlos Fidalgo, Câmara Municipal de Nazaré, 2015

Outras Descrições

.

Tipo

Descrição

Imagens

Bibliografia

Título

Novos documentos para a história do Caminho Real entre a Pederneira e S. Martinho do Porto no século XVIII

Local

-

Data

2008

Autor(es)

PENTEADO, Pedro