Saltar para o conteúdo principal da página

Edifício na Rua Garrett, onde se encontra instalada a Casa Gardénia, incluindo a decoração interior da referida loja - detalhe

Designação

Designação

Edifício na Rua Garrett, onde se encontra instalada a Casa Gardénia, incluindo a decoração interior da referida loja

Outras Designações / Pesquisas

Edifício na Rua Garrett, n.º 54 a 64 / Loja Gardénia(Ver Ficha em www.monumentos.gov.pt)

Categoria / Tipologia

Arquitectura Civil / Edifício

Inventário Temático

-

Localização

Divisão Administrativa

Lisboa / Lisboa / Santa Maria Maior

Endereço / Local

Rua Garret
Lisboa

Número de Polícia: 54-64

Proteção

Situação Actual

Classificado

Categoria de Protecção

Classificado como IIP - Imóvel de Interesse Público

Cronologia

Decreto n.º 45/93, DR, I Série-B, n.º 280, de 30-11-1993 (ver Decreto)
Edital N.º 127/81 de 26-08-1981 da CM de Lisboa
Despacho de homologação de 31-07-1980
Parecer de 29-07-1980 da Comissão "ad hoc" do IPPC a propor a classificação como IIP do Edifício na Rua Garrett, onde se encontra instalada a Casa Gardénia, abrangendo a decoração interior da loja
Informação favorável de 27-02-1980 da DGPC
Proposta de 29-01-19870 da Museu Nacional do Traje para a classificação da Casa Gardénia, a solicitação de 24-01-1980 da proprietária

ZEP

Despacho de 18-10-2011 do diretor do IGESPAR, I.P. a concordar com o parecer e a devolver o processo à DRC de Lisboa e Vale do Tejo para apresentar propostas de ZEP individuais, ou conjuntas nos casos em que tal se justifique
Parecer de 10-10-2011 da SPA do Conselho Nacional de Cultura a propor o arquivamento
Proposta de 22-08-2006 da DR de Lisboa para a ZEP conjunta do Castelo de São Jorge e restos das cercas de Lisboa, Baixa Pombalina e imóveis classificados na sua área envolvente

Zona "non aedificandi"

-

Abrangido por outra classificação

Património Mundial

-

Descrição Geral

Nota Histórico-Artistica

Este edificio pombalino, de cinco pisos, data de meados do século XVIII, possuindo planta rectangular, sendo a fachada rasgada por janelas de peito e de sacada com gradeamento de ferro forjado. Em 1917, o arquitecto Raul Lino concebeu um projecto de remodelação para a loja Gardénia, instalada no piso térreo.
Desta intervenção, resulta uma harmonia entre a estrutura da fachada e o interior da loja, ambas denunciando uma proposta estética comprometida com linhas Art Deco, patente nos motivos geométricos, losangos estilizados talhados na moldura da porta, em mármore rosa, de linhas rectas. Entre os contornos desta moldura, uma estrutura de ferro forjado, corroba esta linguagem plástica, rimando os motivos geométricos de uma simplicidade caracteristicamente Art Deco, vocabulário que o arquitecto repete não só no enquadramento em ferro das vitrinas, bem como no interior da loja, ao nivel da decoração do lambril em madeira e na escadaria que define a espacialidade interior.
PAF

Imagens

Bibliografia

Título

Arquitectura Moderna e Obra Global a partir de 1900

Local

Porto

Data

2009

Autor(es)

TOSTÕES, Ana