Saltar para o conteúdo principal da página

Casa da Arrochela - detalhe

Designação

Designação

Casa da Arrochela

Outras Designações / Pesquisas

Categoria / Tipologia

Arquitectura Civil / Casa

Inventário Temático

-

Localização

Divisão Administrativa

Braga / Fafe / Arões (São Romão)

Endereço / Local

-- junto à Igreja Românica de Arões
Arões

Proteção

Situação Actual

Classificado

Categoria de Protecção

Classificado como IIP - Imóvel de Interesse Público

Cronologia

Decreto n.º 45/93, DR, I Série-B, n.º 280, de 30-11-1993 (ver Decreto)

ZEP

-

Zona "non aedificandi"

-

Abrangido em ZEP ou ZP

Abrangido por outra classificação

Património Mundial

-

Descrição Geral

Nota Histórico-Artistica

Situada junto à igreja românica de São Romão de Arões, ou seja, no centro da povoação e junto aos edifícios de maior importância religiosa e política, a Casa da Arrochela foi propriedade do primeiro conde da Arrochela, Nicolau de Arrochela Vieira de Almeida Sodré Laborão de Morais e Castro Pimentel. O título foi-lhe outorgado por D. Maria II por Carta de 9 de Janeiro de 1851. Nascido em 1799, formou-se em Direito, tendo sido par do reino e senhor de outros morgados: Paço e Ameixoeira, Santa Catarina e Nossa Senhora do Pópulo. Veio a falecer em Leça da Palmeira, no dia 26 de Outubro de 1867.
Sobre a casa da Arrochela são muito poucas as informações disponíveis, admitindo-se que tenha sido edificada no decorrer do século XVII. Marcada por uma enorme sobriedade, esta construção em granito é antecedida por um portal armoriado, de verga recta e com pedra de armas no tímpano do frontão triangular interrompido que o remata. Note-se que este portal é contíguo á fachada principal da igreja de São Romão de Arões. Do conjunto, destaca-se, ainda, a galeria ou alpendre, suportada por colunelos.
(RC)

Imagens