Saltar para o conteúdo principal da página

Cortinas de atiradores (entre o Forte de Santa Catarina e o Forte do Almesqueiro) - detalhe

Designação

Designação

Cortinas de atiradores (entre o Forte de Santa Catarina e o Forte do Almesqueiro)

Outras Designações / Pesquisas

Cortinas de Atiradores(Ver Ficha em www.monumentos.gov.pt)

Categoria / Tipologia

Arquitectura Militar / Muralha

Inventário Temático

-

Localização

Divisão Administrativa

Lisboa / Cascais / Cascais e Estoril

Endereço / Local

Rua Fernando Tomás
Cascais

Proteção

Situação Actual

Classificado

Categoria de Protecção

Classificado como IIP - Imóvel de Interesse Público

Cronologia

Decreto n.º 129/77, DR, I Série, n.º 226, de 29-09-1977 (ver Decreto)
Edital de 25-11-1974 da CM de Cascais
Despacho de homologação de 9-04-1974 do Secretário de Estado da Instrução e Cultura
Parecer de 5-04-1974 da 4.ª Subsecção da 2.ª Secção da JNE a propor a classificação como IIP das cortinas de atiradores que se situam entre os Fortes de Santa Catarina e de Almesqueiro

ZEP

-

Zona "non aedificandi"

-

Abrangido em ZEP ou ZP

Abrangido por outra classificação

Património Mundial

-

Descrição Geral

Nota Histórico-Artistica

A Cortina de Atiradores é constituída por um lanço de muralha, edificado no século XVIII, entre o Forte de Santa Catarina e o Forte do Almesqueiro.
O objectivo desta construção era reforçar a linha defensiva da barra do Tejo, desenvolvida no período pós-Restauração.
A cortina, que se estendia entre as duas fortalezas, junto à água, fechava assim o acesso à praia e permitia a distribuição da artilharia ao longo da sua estrutura.
Catarina Oliveira
DIDA/IGESPAR/ 22 de Agosto de 2007

Imagens

Bibliografia

Título

As fortalezas da costa marítima de Cascais

Local

Cascais

Data

1964

Autor(es)

LOURENÇO, Manuel Acácio