Saltar para o conteúdo principal da página

Ponte antiga sobre a ribeira de Cobres - detalhe

Designação

Designação

Ponte antiga sobre a ribeira de Cobres

Outras Designações / Pesquisas

Ponte da ribeira de Cobres / Ponte sobre a Ribeira de Cobres (Ver Ficha em www.monumentos.gov.pt)

Categoria / Tipologia

Arquitectura Civil / Ponte

Inventário Temático

Pontes Históricas do Alentejo

Localização

Divisão Administrativa

Beja / Almodôvar / Almodôvar e Graça dos Padrões

Endereço / Local

-- próxima da EN 2
-

Proteção

Situação Actual

Classificado

Categoria de Protecção

Classificado como IIP - Imóvel de Interesse Público

Cronologia

Decreto n.º 28/82, DR, I Série, n.º 47, de 26-02-1982 (ver Decreto)

ZEP

-

Zona "non aedificandi"

-

Abrangido em ZEP ou ZP

Abrangido por outra classificação

Património Mundial

-

Descrição Geral

Nota Histórico-Artistica

Situa-se no interior da Vila de Almodôvar, junto ao Quartel dos Bombeiros Voluntários.
Erigida em alvenaria de xisto, esta imponente construção - vulgarmente designada de romana - deverá remontar antes ao período medieval. O tabuleiro, em cavalete, desenvolve-se em três planos com duas rampas de acesso unidas por patamar, protegido por guardas. É suportado por três arcos de abertura igual, sendo que os pegões, localizados no leito da ribeira são reforçados por dois talhamares, de dimensões diferentes, sendo o maior o do lado nascente. Mede cerca de 25 metros de comprimento por 3.60 m de largura.
Foi construída em alvenaria de xisto e em tijolo, material utilizado para os arcos. As Inquirições de 1375 informam "que avia hij [em Almodôvar] el rey huum ferreieall que jaz caminho do Algarue aalem da vila a par do poço", ainda hoje visível junto à ponte e denominado Poço do Sacoto, referência esta que parece indicar que é obra posterior.
Em 1758, era a única ponte sobre a Ribeira de Cobres. Já em 1970, depois dos danos causados pelo mau tempo, recebeu importantes trabalhos de restauro.(JAM)

Imagens

Bibliografia

Título

Pontes Históricas do Alentejo

Local

Lisboa

Data

2005

Autor(es)

MARQUES, João Antonio Ferreira