Saltar para o conteúdo principal da página

Igreja de São Tomé - detalhe

Designação

Designação

Igreja de São Tomé

Outras Designações / Pesquisas

Igreja de São Tomé de Abambres / Igreja Paroquial de Abambres / Igreja de São Tomé (Ver Ficha em www.monumentos.gov.pt)

Categoria / Tipologia

Arquitectura Religiosa / Igreja

Inventário Temático

-

Localização

Divisão Administrativa

Bragança / Mirandela / Abambres

Endereço / Local

-- -
Abambres

Proteção

Situação Actual

Classificado

Categoria de Protecção

Classificado como IIP - Imóvel de Interesse Público

Cronologia

Decreto n.º 28/82, DR, I Série, n.º 47, de 26-02-1982 (ver Decreto)

ZEP

-

Zona "non aedificandi"

-

Abrangido em ZEP ou ZP

Abrangido por outra classificação

Património Mundial

-

Descrição Geral

Nota Histórico-Artistica

Construída possivelmente no século XIII, a Igreja de são Tomé de Abambres destaca-se sobretudo pelo considerável acervo de pintura mural que decora o seu espaço interior.
Este pequeno templo românico, de planta rectangular, apresenta frontispício de linhas simples, apenas rasgado por portal de volta perfeita sem moldura. O conjunto é rematado por empena truncada, sobre a qual foi disposta uma sineira dupla de grandes dimensões.
Data de 1584 a primeira campanha de pinturas murais, executadas na zona do arco triunfal, sobre pinturas anteriores. Representam, do lado da Epístola, o Martírio de São Sebastião , no registo inferior, e a Descida da Cruz , no superior; do lado oposto, foi pintada uma cena da Paixão, e sobre o fecho do arco, o
Calvário . Complementando o conjunto, o intradorso do arco foi revestido de talha dourada, dividida em frisos que marcam as aduelas, pintados com motivos vegetalistas.
Na nave foram pintadas, no século XVIII, algumas composições retabulares em trompe l'oeil , com colunas e pilastras compósitas suportando frontões que enquadram nichos e painéis, cuja disposição confere algum dinamismo ao espaço.
A capela-mor, coberta por tecto de madeira, também pintado com motivos de brutesco , apresenta as paredes revestidas de pinturas murais, também setecentistas. Do lado do Evangelho dispõe-se a Última Ceia , e na parede fronteira foi pintada a Natividade , ambas inseridas em molduras fingidas, rodeadas por motivos vegetalistas.
Catarina Oliveira
IPPAR/2007

Imagens

Bibliografia

Título

Memórias arqueológico-históricas do distrito de Bragança: repositório amplo de notícias corográficas, hidro-orográficas, geológicas, mineralógicas, hidrológicas, biobibliográficas, heráldicas (...), 2ªed.

Local

Bragança

Data

2000

Autor(es)

ALVES, Francisco Manuel

Título

Igreja de São Tomé de Abambres. Intervenções de Conservação in Monumentos, nº 11, pp. 80-89

Local

Lisboa

Data

1999

Autor(es)

HESPANHOL, Pilar Pinto, NUNES, José, COSTA, Augusto, ROCHA, Maria Manuela Guerreiro, FERREIRA, Maria João Mendes