Saltar para o conteúdo principal da página

Chafariz da Rua das Taipas - detalhe

Designação

Designação

Chafariz da Rua das Taipas

Outras Designações / Pesquisas

Fonte da Rua das Taipas(Ver Ficha em www.monumentos.gov.pt)

Categoria / Tipologia

Arquitectura Civil / Chafariz

Inventário Temático

-

Localização

Divisão Administrativa

Porto / Porto / Cedofeita, Santo Ildefonso, Sé, Miragaia, São Nicolau e Vitória

Endereço / Local

Rua das Virtudes
Porto

Proteção

Situação Actual

Classificado

Categoria de Protecção

Classificado como IIP - Imóvel de Interesse Público

Cronologia

Decreto n.º 28 536, DG, I Série, n.º 66, de 22-03-1938 (ver Decreto)

ZEP

-

Zona "non aedificandi"

-

Património Mundial

-

Descrição Geral

Nota Histórico-Artistica

À semelhança da Fonte de São João, a construção do chafariz da Rua das Taipas insere-se no plano de abastecimento de água à cidade delineado ao longo da segunda metade do século XVIII. A sua construção remonta a 1772, ano em que os moradores do Largo do Postigo do Sol enviaram à Câmara uma petição para que fosse construída uma fonte nas imediações. A solução então encontrada foi a de se edificar um novo equipamento urbano deste género, na Rua das Taipas, para substituir uma antiga fonte construída em 1707 na Rua das Virtudes.
Uma das originalidades deste chafariz é a de que foi construído a expensas dos próprios moradores da zona, o que contribuiu decisivamente para a singeleza da construção. Tal não facto não quer dizer, no entanto, que a obra tenha sido desprovida de interesse artístico. Muito pelo contrário: apesar de se poder hoje considerar uma das menores fontes erguidas no Porto no século XVIII, ela reflecte bem as dominantes artísticas da época e está longe de se poder considerar uma obra unicamente utilitária.
Actualmente encontra-se inserida entre dois prédios, o que acentua a sua aparente simplicidade. Compõe-se de nicho neo-clássico de arco de volta perfeita, delimitado por pilastras, rematado superiormente por um pináculo central. Interiormente, um medalhão oval serve de boca de água, descarregando numa pequena taça semicircular, que por sua vez dá para um tanque que define inferiormente todo o conjunto.
PAF

Imagens

Bibliografia

Título

Porto a Património Mundial - Processo de Candidatura da Cidade do Porto à Classificação pela UNESCO como Património Cultural da Humanidade

Local

-

Data

-

Autor(es)

-

Título

Inventário Artístico de Portugal: Cidade do Porto

Local

-

Data

-

Autor(es)

-