Saltar para o conteúdo principal da página

Antiga Igreja do Convento dos Capuchos, bem como a boca de cisterna revestida a azulejo existente num dos pátios do hospital e ainda todas as dependências decoradas com lambrins de azulejo, incluindo o claustro e a escadaria nobre - detalhe

Designação

Designação

Antiga Igreja do Convento dos Capuchos, bem como a boca de cisterna revestida a azulejo existente num dos pátios do hospital e ainda todas as dependências decoradas com lambrins de azulejo, incluindo o claustro e a escadaria nobre

Outras Designações / Pesquisas

Igreja e antigo Convento dos Capuchos / Convento de Santo António dos Capuchos / Hospital de Santo António dos Capuchos(Ver Ficha em www.monumentos.gov.pt)

Categoria / Tipologia

Arquitectura Religiosa / Igreja

Inventário Temático

-

Localização

Divisão Administrativa

Lisboa / Lisboa / Santo António

Endereço / Local

Alameda de Santo António dos Capuchos
Lisboa

Proteção

Situação Actual

Classificado

Categoria de Protecção

Classificado como IIP - Imóvel de Interesse Público

Cronologia

Decreto n.º 1/86, DR, I Série, n.º 2, de 3-01-1986 (ver Decreto)
Edital N.º 16/85 de 1-03-1985 da CM de Lisboa
Despacho de homologação de 6-09-1984 do Ministro da Cultura
Despacho de concordância de 5-09-1984 do vice-presidente do IPPC
Parecer de 31-08-1984 da Assessoria Técnica do IPPC a propor a classificação como IIP da Antiga Igreja do Convento dos Capuchos, da boca de cisterna revestida a azulejo existente num dos pátios do hospital, dos lambris de azulejo que revestem a parede dos claustros do convento, da escadaria nobre e de todas as dependências decoradas com lambris de azulejos existentes no edifício do hospital, anteriormente designado por Palácio do Conde de Murça
Proposta de 16-08-1984 do IPPC para a classificação do antigo Convento dos Capuchos e edifícios anexos
Em 25-11-1982 foi apresentada uma exposição relativa ao estado de degradação da Capela de Santo António dos Capuchos

ZEP

-

Zona "non aedificandi"

-

Abrangido em ZEP ou ZP

Património Mundial

-

Descrição Geral

Nota Histórico-Artistica

Fundado em 1570, este Convento sofreu diversas campanhas que lhe alteraram a feição primitiva, nomeadamente as realizadas na primeira metade do séc. XVIII, ao introduzirem uma decoração azulejar em lambris do claustro, e as concretizadas no período pós-terramoto, com a sua reedificação, concluída em 1758.
De planta rectangular, volumetria paralelepipédica e coberta por um telhado a duas águas, o alçado principal possuí, ao nível térreo, um arco abatido, através do qual se acede à galilé. Esta, encontra-se defendida por uma grade setecentista em ferro forjado, e apresenta-se coberta por abóbada abatida e por azulejaria azul e branca historiada da mesma época.
O interior da igreja, de nave única e capelas laterais intercomunicantes, é coberto por abóbada de berço decorada com pintura ornamental monócroma oitocentista. Quanto à capela-mor, comprida e com altares de cabeceira, encontra-se coberta por abóbada de canhão com estuques decorados.
A classificação deste imóvel inclui a boca de cisterna revestida a azulejo existente num dos pátios, além das referidas dependências decoradas com lambrins de azulejo e do claustro e escadaria nobre, do tipo albarradas e golfinhos com barras de volutas.
PAF

Imagens