Saltar para o conteúdo principal da página

Igreja do antigo Convento da Madre de Deus - detalhe

Designação

Designação

Igreja do antigo Convento da Madre de Deus

Outras Designações / Pesquisas

Igreja Matriz de Vinhó / Mosteiro da Madre de Deus de Vinhó / Igreja Paroquial de Vinhó(Ver Ficha em www.monumentos.gov.pt)

Categoria / Tipologia

Arquitectura Religiosa / Igreja

Inventário Temático

-

Localização

Divisão Administrativa

Guarda / Gouveia / Moimenta da Serra e Vinhó

Endereço / Local

-- -
Vinhó

Proteção

Situação Actual

Classificado

Categoria de Protecção

Classificado como IIP - Imóvel de Interesse Público

Cronologia

Decreto n.º 44 675, DG, I Série, n.º 258, de 9-11-1962 (ver Decreto)

ZEP

-

Zona "non aedificandi"

-

Abrangido em ZEP ou ZP

Abrangido por outra classificação

Património Mundial

-

Descrição Geral

Nota Histórico-Artistica

O Convento da Madre de Deus de Vinhó foi fundado em 1567 por Francisco de Sousa e sua mulher, D. Antónia de Teive, no espaço da quinta que o fidalgo possuía naquela localidade. O cenóbio foi entregue a uma comunidade de freiras clarissas, e as obras de edificação seriam concluídas em 1573.
Do conjunto conventual subsiste a igreja, actualmente sede da paróquia de Vinhó. O templo, disposto longitudinalmente, é composto pelos volumes da nave e da capela-mor, aos quais se adossam a torre sineira, do lado do Evangelho, junto à fachada principal, e uma capela lateral e a sacristia, do lado oposto.
Tal como acontecia em todos os templos conventuais femininos, a entrada principal da Igreja da Madre de Deus fazia-se lateralmente, podendo actualmente ver-se o portal maneirista inserido em alfiz, sobre o qual foi colocada a pedra de armas dos fundadores.
Depois da extinção das ordens religiosas, o templo conventual foi adaptado às funções de sede paroquial, pelo que a fachada principal foi edificada no pano murário oposto à cabeceira. Apresenta portal simples, rasgado em arco abatido, com friso decorado e encimado por janela. Do lado esquerdo foi edificada a torre sineira com escada posterior.
O interior, de nave única, é coberto por tecto de madeira dividido em caixotões, sendo parte deles pintados com figuras do hagiográfico. Esta cobertura foi executada no ano de 1698 a mando da abadessa Jerónima de São José. Com coro-alto em madeira, o templo possui cinco capelas laterais: do lado do Evangelho foram edificadas as capelas de Nossa Senhora de Lourdes e do Senhor dos Passos, ao lado da qual foi colocado o púlpito. Na parede oposta dispõem-se as capelas de Cristo Crucificado, com retábulo de talha dourada integrando uma Anunciação , a do Menino Jesus, fundada pela Tia Baptista, freira com fama de santidade que viveu no convento na segunda metade do século XVIII e que se encontra sepultada neste espaço, e ainda a de Santo António.
O arco triunfal, em talha dourada, possui o intradorso pintado com motivos de brutesco , tendo inscrita a data 1739. É ladeado por dois altares colaterais dispostos em ângulo, com retábulos de talha dourada, o da esquerda dedicado a Nossa Senhora do Rosário, o da direita a Nossa Senhora de Fátima.
A capela-mor é coberta com abóbada de berço de caixotões, também pintados com temas hagiográficos. Ao centro foi edificado sobre degraus de cantaria o retábulo-mor, de talha dourada e em forma de urna, de estilo nacional. Do lado do Evangelho foi colocado o túmulo dos fundadores, com a inscrição "ESTA SEPULTURA HE. DE. FRANCISCO DE SOUSA / HE DE. SUA MULHER. DONA ANTO / NIA. DE. TEIVE. FUNDADORES DE / STA SANTA CASA. ELE FALECEU. A. 7 DE / MAIO. DE 1578 HELA 17. DE ABRIL DE 1597".
Com a morte da última freira em 1869 e a extinção definitiva do cenóbio, o Convento da Madre de Deus foi destinado a diversos fins. O templo tornou-se, como foi acima referido, sede da paróquia de Vinhó, parte das dependências conventuais foram cedidas para a instalação de uma escola primária e o espaço da cerca do convento foi vendido a particulares.
Catarina Oliveira
GIF/IPPAR/2006

Bibliografia

Título

História da Diocese da Guarda

Local

Braga

Data

1981

Autor(es)

GOMES, José Pinharanda

Título

Portugal antigo e moderno: diccionario geographico, estatistico, chorographico, heraldico, archeologico, historico, biographico e etymologico de todas as cidades, villas e freguezias de Portugal e de grande numero de aldeias...

Local

Lisboa

Data

1990

Autor(es)

PINHO LEAL, Augusto Soares d'Azevedo Barbosa de, FERREIRA, Pedro Augusto

Título

Diocese e Distrito da Guarda

Local

Porto

Data

1902

Autor(es)

CASTRO, José Osório da Gama e

Título

Corografia setecentista do concelho de Gouveia

Local

Gouveia

Data

1992

Autor(es)

MOTA, Eduardo

Título

Antologia Conventual - subsídios para uma monografia do concelho de Gouveia

Local

Viseu

Data

1952

Autor(es)

FERREIRA, Tavares

Título

Vinhó. História local e institucional do convento

Local

Gouveia

Data

1963

Autor(es)

AMARAL, Abílio Mendes do