Saltar para o conteúdo principal da página

Castro de Monte Mozinho, mais conhecido pela Cidade Morta de Penafiel - detalhe

Designação

Designação

Castro de Monte Mozinho, mais conhecido pela Cidade Morta de Penafiel

Outras Designações / Pesquisas

Museu Municipal de Penafiel / Castro de Monte Mozinho / Cidade Morta de Penafiel(Ver Ficha em www.monumentos.gov.pt)

Categoria / Tipologia

Arqueologia / Castro

Inventário Temático

-

Localização

Divisão Administrativa

Porto / Penafiel / Oldrões

Endereço / Local

Rua do Conde de Ferreira
Oldrões

Proteção

Situação Actual

Classificado

Categoria de Protecção

Classificado como IIP - Imóvel de Interesse Público

Cronologia

Decreto n.º 37 077, DG, I Série, n.º 228, de 29-09-1948 (ver Decreto)

ZEP

-

Zona "non aedificandi"

-

Abrangido em ZEP ou ZP

Abrangido por outra classificação

Património Mundial

-

Descrição Geral

Nota Histórico-Artistica

A presente classificação reporta-se aos vestígios de um povoado fortificado edificado durante a Proto-história, e ocupado ao longo do I século d. C., com continuidade ocupacional observada já durante o período medieval.
Localizado num outeiro sobranceiro à Ribeira da Camba, este povoado possui uma área intramuros de cerca de 20 ha, encontrando-se defendido por quatro linhas de muralhas, cuja espessura máxima atinge cerca de 3,5 m junto às portas, às quais davam acesso rampas executadas com blocos de granito. Com paredes autoportantes, estas linhas foram erguidas com silhares graníticos assentes em seco, em aparelho poligonal, compostas por dois paramentos paralelos preenchidos com pedra miúda.
Na zona intramuros observa-se uma estruturação do povoado através de um arruamento pavimentado com lajes graníticas orientado no sentido N.-S. e arruamentos distribuídos transversalmente. As estruturas encontradas apresentam planta predominantemente circular, possuindo algumas delas o respectivo vestíbulo de planta quadrangular. Diversas destas construções formam uma realidade que certos autores pretendem identificar como verdadeiros "quarteirões".
É na plataforma superior deste povoado que se pode observar um recinto muralhado sem quaisquer vestígios construtivos, provavelmente utilizado para fins públicos e comunitários.
Nas imediações da muralha superior e do arruamento principal foi detectada uma estrutura que alguns investigadores pretendem associar a um templo, composto por cella de planta quadrangular assente num podium com átrio lajeado. É, por sua vez, junto á plataforma exterior da terceira linha de muralhas que se observam os alicerces de uma eventual estrutura funerária, com características que parecem identificá-la como mausoléu, como parece apontar a presença, no seu interior, e de forma centralizada, de uma cavidade rectangular, bem como de alguns fragmentos de colunas e esculturas encontrados nas imediações desta edificação. Foi, ainda, detectada uma necrópole, de inumação, no exterior da quarta linha de muralhas, composta por recintos sepulcrais delineados mediante a colocação de pedras de pequenas dimensões, e cobertos por ardósias.
No que respeita ao espólio móvel encontrado durante as sucessivas campanhas arqueológicas realizadas neste povoado, ele é essencialmente constituído por diversos fragmentos de cerâmica comum, tanto da Idade do Ferro, como do período da presença romana, da denominada cerâmica de importação, recipientes em vidro e mós manuais, para além de moedas, artefactos metálicos - dos quais se salientam algumas ferramentas, alfaias agrícolas e armas -, bem como variados elementos de adorno, fíbulas em bronze e jóias em prata, e elementos associados a estátuas graníticas e a três aras.
[AMartins]

Imagens

Bibliografia

Título

Apontamentos sobre a ocupação entre Sousa e Tâmega em época romana, Boletim Municipal de Cultura

Local

-

Data

-

Autor(es)

-

Título

O templo do Mozinho e seu conjunto, Portugalia

Local

-

Data

1980

Autor(es)

ALMEIDA, Carlos Alberto Ferreira de

Título

Escavações de Monte Mozinho. II - 1975 - 1976

Local

-

Data

1977

Autor(es)

ALMEIDA, Carlos Alberto Ferreira de

Título

Escavações no Monte Mozinho

Local

-

Data

1974

Autor(es)

ALMEIDA, Carlos Alberto Ferreira de

Título

As moedas encontradas na citânia do Mosinho - cidade morta - e as suas possíveis conclusões, Lucerna

Local

-

Data

1965

Autor(es)

SOUSA, Elísio Ferreira de

Título

Relatório das escavações levadas a efeito no Monte Mosinho, Douro Litoral

Local

-

Data

1954

Autor(es)

SOUSA, Elísio Ferreira de

Título

A necrópole calaico-romana do Mosinho, Pena-Fidelis

Local

-

Data

1931

Autor(es)

PINHO, José de

Título

Uma cidade morta no Monte Mozinho ou o castro de Santo Estevão de Oldrões

Local

-

Data

1920

Autor(es)

MACHADO, F. S. Lacerda

Título

Monte Mosinho, Boletim da Associação dos Arqueólogos Portugueses

Local

Lisboa

Data

1920

Autor(es)

ANDRADE, Vieira de

Título

Fíbulas de sítios a Norte do rio Douro, Lucerna

Local

-

Data

1984

Autor(es)

PONTE, Salete da