Saltar para o conteúdo principal da página

Igreja da Misericórdia de Aveiro, incluindo as salas do despacho e anexos - detalhe

Designação

Designação

Igreja da Misericórdia de Aveiro, incluindo as salas do despacho e anexos

Outras Designações / Pesquisas

Igreja da Santa Casa de Misericórdia de Aveiro (Ver Ficha em www.monumentos.gov.pt)

Categoria / Tipologia

Arquitectura Religiosa / Igreja

Inventário Temático

-

Localização

Divisão Administrativa

Aveiro / Aveiro / Glória e Vera Cruz

Endereço / Local

Rua de Coimbra
Aveiro

Número de Polícia: 27

Proteção

Situação Actual

Classificado

Categoria de Protecção

Classificado como IIP - Imóvel de Interesse Público

Cronologia

Decreto n.º 735/74, DG, I Série, n.º 297, de 21-12-1974 (ver Decreto)
Despacho de homologação de 15-10-1970 do Subsecretário de Estado da Administração Escolar
Parecer de 9-10-1970 da 4.ª Subsecção da 2.ª Secção da JNE a propor a classificação como IIP
Proposta de classificação de 24-07-1970 da DGEMN

ZEP

Despacho de 4-09-2013 da diretora-geral da DGPC a devolver o processo à DRC do Centro
Deliberação de 23-04-2013 da SPAA do Conselho Nacional de Cultura a propor a devolução do processo à DRC do Centro para aplicação do art.º 43.º do Decreto-Lei n.º 309/2009, DR, 1.ª série, N.º 206 de 23-10-2009 (ver Diploma)
Nova proposta de 22-02-2013 da DRC do Centro
Parecer favorável de 30-03-2011 da SPAA do Conselho Nacional de Cultura
Nova proposta de 6-07-2010 da DRC do Centro mantém a delimitação da ZEP conjunta
Devolvido à DRC do Centro por despacho de 11-02-2010 do director do IGESPAR, I.P., para aplicação do Decreto-Lei n.º 309/2009, DR, 1.ª série, n.º 206 de 23-10-2009 (ver Diploma)
Proposta de 23-12-2009 da DRC do Centro de ZEP conjunta da Igreja da Misericórdia de Aveiro e do Teatro Aveirense

Zona "non aedificandi"

-

Abrangido em ZEP ou ZP

Abrangido por outra classificação

Património Mundial

-

Descrição Geral

Nota Histórico-Artistica

Embora não esteja documentada a data exacta da fundação da irmandade da Misericórdia de Aveiro, esta é atribuída por tradição ao ano de 1498, logo após a fundação da Misericórdia de Lisboa. Sabe-se que em 1502 a irmandade funcionava em pleno, uma vez que na época foram feitas doações à mesma, para além de os irmãos terem recebido uma carta de privilégios dada por D. Manuel nesse ano.
A primitiva sede da irmandade funcionava na Capela de Santo Ildefonso, junto à igreja paroquial de São Miguel, tornando-se no entanto evidente a reduzida funcionalidade da mesma para servir as obras de assistência da Misericórdia numa vila com uma intensa vida comercial e marítima, ligada ao Atlântico e às colónias ultramarinas.
Ao longo do século XVI a irmandade intentou esforços para patrocinar a construção de uma igreja própria, bem como de um hospital, e em 1585 D. Filipe I concedeu à irmandade aveirense os mesmos privilégios de que usufruía a Misericórdia de Coimbra.
A obra de edificação do templo iniciou-se em 1600, sendo contratado para a execução da traça o mestre Gregório Lourenço (RUÃO, Carlos, 1996, p. 267). A primeira pedra da igreja era lançada ainda nesse ano, e como Gregório Lourenço estava encarregue de outras edificações, nomeadamente na cidade do Porto, em 1601 indicou o mestre Francisco João, seu irmão, para supervisionar a fábrica de obras.
No ano de 1608 a Casa do Despacho estava já concluída, e o corpo do templo encontrava-se edificado, faltando executar o pórtico principal e o espaço da capela-mor. Em 1615 o hospital ficava concluído.
No entanto, a fábrica de obras foi sendo interrompida por falta de apoios financeiros, e a capela-mor só viria a ser concluída entre 1650 e 1655, durante a provedoria de D. Raimundo de Lencastre, Duque de Aveiro, sob a direcção do mestre Manuel Azenha. Somente em 1669 a Capela de Santo Ildefonso deixou de ser utilizada pela irmandade, pelo que se depreende que nesta data a estrutura do templo da Misericórdia estava concluída.
A Igreja da Misericórdia de Aveiro é um templo de estrutura maneirista, que obedece a duas influências distintas. A primeira, ao nível da planimetria, é nitidamente tridentina, apresentando um templo que se desenvolve longitudinalmente, com uma capela-mor profunda, muito semelhante à igreja do mosteiro de Moreira da Maia, onde o mestre Gregório Lourenço também trabalhou. Por outro lado, o programa decorativo apresenta um singular gosto italo-flamengo, utilizando módulos da tratadística italiana, elementos de inspiração vredemaniana e rollwerk.
Na estrutura da fachada, revestida por azulejos em 1876, destaca-se o portal, tratado como um grande retábulo e "cravado na fachada", ao gosto arquitectónico de inspiração flamenga que na época predominava no Noroeste português. Destaca-se ainda o registo superior do portal, onde foi utilizado um modelo coríntio "que não se encontra em nenhum tratado ou estampa da época, e que poderá ser invenção (...)" de Gregório Lourenço (Idem,ibidem, p. 270).
O arco triunfal, que foi edificado como que emoldurando a entrada da capela-mor, tal como havia já sido feito em Grijó e Moreira da Maia, apresenta um sistema de sobreposição de ordens (idem, ibidem). O retábulo-mor, de talha maneirista, apresenta uma estreita relação ao nível estrutural com o portal da fachada principal.
Para além das semelhanças estruturais e decorativas que a Misericórdia de Aveiro apresenta com os templos de São Salvador de Moreira da Maia, São Salvador de Grijó e o colégio jesuíta de São Lourenço do Porto (Idem,ibidem), a traça deste templo evidencia ainda a inspiração de Gregório Lourenço nas obras de outros mestres do Maneirismo português, como Jerónimo de Ruão e Manuel Luís.
Catarina Oliveira
IPPAR/2005

Imagens

Bibliografia

Título

Inventário Artístico de Portugal - Distrito de Aveiro

Local

Lisboa

Data

1959

Autor(es)

GONCALVES, António Nogueira

Título

Dicionário Histórico e Documental dos Arquitectos, Engenheiros e Construtores Portugueses

Local

Lisboa

Data

1988

Autor(es)

VITERBO, Francisco M. de Sousa

Título

A Talha em Portugal

Local

Lisboa

Data

1962

Autor(es)

SMITH, Robert C.

Título

Aveiro. Arte e História

Local

Aveiro

Data

1984

Autor(es)

NEVES, Amaro

Título

A Igreja da Misericórdia de Aveiro, in Arquivo do Distrito de Aveiro, vol. XXXIII

Local

Aveiro

Data

1967

Autor(es)

NEVES, Francisco Ferreira

Título

Misericórdia de Aveiro - dois mestres de azulejaria no Século XVII, Aveiro e o seu Distrito

Local

Aveiro

Data

1985

Autor(es)

NEVES, Amaro

Título

Arquitectura maneirista no Noroeste de Portugal

Local

Coimbra

Data

1996

Autor(es)

RUÃO, Carlos

Título

Retábulos das Misericórdias Portuguesas

Local

Faro

Data

2009

Autor(es)

LAMEIRA, Francisco