Saltar para o conteúdo principal da página

Imóvel setecentista aonde nasceu Joaquim Mouzinho de Albuquerque, herói das campanhas de África e que está situado na quinta que foi casa agrícola e lugar de repouso da Ordem Dominicana, instalada no Mosteiro da Batalha, bem como a Ermida (...) - detalhe

Designação

Designação

Imóvel setecentista aonde nasceu Joaquim Mouzinho de Albuquerque, herói das campanhas de África e que está situado na quinta que foi casa agrícola e lugar de repouso da Ordem Dominicana, instalada no Mosteiro da Batalha, bem como a Ermida (...)

Outras Designações / Pesquisas

(...) que lhe está junta
Casa e Capela de São Gonçalo / Casa da Quinta da Várzea / Edifício do Seminário Maior de Leiria / Edifício Mouzinho de Albuquerque(Ver Ficha em www.monumentos.gov.pt)

Categoria / Tipologia

Arquitectura Religiosa / Seminário

Inventário Temático

-

Localização

Divisão Administrativa

Leiria / Batalha / Batalha

Endereço / Local

EN 1, km 114,8, sentido Batalha-Leiria, arruamento à esquerda entre Paredões e Santo Antão
Quinta da Várzea

Proteção

Situação Actual

Em Vias de Classificação

Categoria de Protecção

Em Vias de Classificação (Homologado como IIP -...

Cronologia

Em 26-10-2015 a DRC do Centro solicitou a clarificação do despacho de 13-10-2015 do diretor-geral da DGPC
Despacho de 13-10-2015 do diretor-geral da DGPC a remeter o processo à DRC do Centro para no âmbito das suas atribuições na área em causa, estudar com a CM da Batalha as melhores formas de proteção do bem em causa
Despacho de 30-04-2014 do Secretário de Estado da Cultura a determinar que se procure articular com o município e os proprietários as melhores formas de proteção do bem
Despacho de indeferimento de 5-12-2015 do diretor-geral da DGPC
Proposta de 6-01-2015 da CM da Batalha para que se prossiga o procedimento de classificação
Anúncio n.º 293/2014, DR, 2.ª série, n.º 241, de 15-12-2014 (divulga a intenção de propor a revogação do despacho de homologação) (ver Anúncio)
Parecer de 15-10-2014 da SPAA do Conselho Nacional de Cultura a propor o arquivamento do procedimento, atendendo às descaracterizações sofridas
Proposta de 20-06-2014 do Departamento dos Bens Culturais da DGPC para reanálise do processo
Despacho de 26-04-2014 do diretor-geral da DGPC a determinar o reenvio do processo para reanálise da SPAA do Conselho Nacional de Cultura
Parecer de 26-09-2012 da SPAA do Conselho Nacional de Cultura a propor o prosseguimento do processo, com a designação de "Casa e Capela de São Gonçalo"
Proposta de arquivamento de 23-07-2012 da DRC do Centro, por se encontrar em ruína
Procedimento (indevidamente) prorrogado pelo Despacho n.º 19338/2010, DR, 2.ª série, n.º 252, de 30-12-2010 (ver Despacho)
Despacho [de 15-03-1985?] do Ministro da Cultura a homologar a classificação como IIP do "Imóvel setecentista aonde nasceu Joaquim Mouzinho de Albuquerque, herói das campanhas de África e que está situado na quinta que foi casa agrícola e lugar de repouso da Ordem Dominicana, instalada no Mosteiro da Batalha, bem como da Ermida que lhe está junta"

ZEP

-

Zona "non aedificandi"

-

Abrangido em ZEP ou ZP

Abrangido por outra classificação

Património Mundial

-

Descrição Geral

Nota Histórico-Artistica

A Quinta da Várzea pertencia aos frades dominicanos do Mosteiro da Batalha, que utilizavam o espaço como quinta de veraneio. Na primeira metade do século XVII, o autor da obra O Couseiro ou Memórias do Bispado de Leiria referia já a existência de um edifício na propriedade. Junto ao edifício foi construída, possivelmente no mesmo período, uma pequena capela alpendrada, de gosto maneirista, dedicada a São Gonçalo.
No início da década de 40 do século XIX, a quinta foi adquirida por Luís Mouzinho de Albuquerque, que entre 1840 e 1843 esteve encarregue da primeira campanha de obras de restauro do Mosteiro da Batalha. Terá sido nesta época que a traça do conjunto foi alterada, uma vez que lhe foi acrescentado um corpo lateral e um dos alpendres.
Foi nesta propriedade, que a partir de então passou a ser conhecida na região como "Solar dos Mouzinho de Albuquerque", que nasceu em 1855 Joaquim Mouzinho de Albuquerque, neto do restaurador da Batalha, e governador de Moçambique.
Embora seja inegável o seu valor histórico e cultural, a Quinta da Várzea encontra-se bastante arruinada. O edifício dispõem-se numa planta em T, ao qual se adossam dois alpendres, uma em cada extremidade. O corpo principal divide-se em dois registos, encimados por sótão, com aberturas de janelas de peito e de sacada, estas últimas com guarda de ferro. Na fachada principal foi colocada uma lápide alusiva ao nascimento de Mouzinho de Albuquerque.
No interior é ainda visível a divisão do espaço, sendo o piso térreo utilizado originalmente como celeiro e adega. O edifício lateral encontra-se dividido para espaços de habitação, incluindo também a cozinha.
A capela, de planta quadrangular, é antecedida por galilé fechada por muros, assente sobre seis colunas. O interior não possui, actualmente, programa decorativo.
Catarina Oliveira
IGESPAR,I.P./2007

Bibliografia

Título

O Couseiro - Memórias do Bispado de Leiria

Local

Braga

Data

1868

Autor(es)

-