Saltar para o conteúdo principal da página

Casa dos Arcos - detalhe

Designação

Designação

Casa dos Arcos

Outras Designações / Pesquisas

Biblioteca Municipal de Santa Comba Dão / Casa dos Arcos(Ver Ficha em www.monumentos.gov.pt)

Categoria / Tipologia

Arquitectura Civil / Casa

Inventário Temático

-

Localização

Divisão Administrativa

Viseu / Santa Comba Dão / Santa Comba Dão e Couto do Mosteiro

Endereço / Local

Rua de Santa Columba
Santa Comba Dão

Proteção

Situação Actual

Classificado

Categoria de Protecção

Classificado como IIP - Imóvel de Interesse Público

Cronologia

Decreto n.º 32 973, DG, I Série n.º 175, de 18-08-1943 (ver Decreto)

ZEP

Portaria de 1-09-1966, publicada no DG, II Série, n.º 247, de 24-10-1966 (sem restrições) (substituiu o diploma anterior)
Portaria de 9-06-1959, publicada no DG, II Série, n.º 174, de 27-07-1959 (ZEP da Casa dos Arcos e deo Pelourinho de Santa Comba Dão)

Zona "non aedificandi"

-

Abrangido em ZEP ou ZP

Abrangido por outra classificação

Património Mundial

-

Descrição Geral

Nota Histórico-Artistica

Povoação antiga, Santa Comba integrava desde o século X o vasto território dos coutos do Mosteiro do Lorvão. Em 1102, devido ao despovoamento provocado na região pelas guerras da Reconquista, o abade daquela casa religiosa, D. Eusébio, constituiu a povoação como vila, outorgando-lhe o primeiro foral, possivelmente numa tentativa de aumentar o núcleo habitacional.
Na centúria seguinte, em 1210, D. Sancho I elevou a vila a cabeça de condado, sendo este doado aos bispos de Coimbra (COSTA, 1948). Durante as reformas administrativas levadas a cabo por D. Manuel, a vila recebeu um novo foral.
A Casa dos Arcos, situada no centro da povoação de Santa Comba, é um interessante exemplar de arquitectura civil maneirista, que se destaca pela singularidade do seu modelo. Foi mandada construir em meados do século XVII pela família Vasconcelos, senhores de Mossâmedes, pertencendo na última década de Seiscentos a António de Sousa e Vasconcelos, Capitão-mor de Santa Comba.
De planta rectangular, que no entanto se dispõe de forma irregular, a casa apresenta uma dualidade interessante entre os frontispícios. A fachada principal foi edificada segundo o modelo da arquitectura solarenga seiscentista, de linhas austeras, marcada pelo ritmo e disposição das janelas, de moldura rectangular simples no primeiro registo, e de sacada, com varandins e guardas de ferro, no piso nobre.
No entanto, o frontispício lateral possui uma arcada no piso térreo, sobre a qual foi construída uma varanda com alpendre suportado por colunas toscanas, num modelo de inspiração renascentista, já tardio para a época em que foi construído. Rematando o ângulo do edifício, foi edificada uma chaminé, que se assemelha a um torreão.
Agregada à casa, foi construída uma capela particular de nave única, que no interior conserva não só elementos de talha policroma rococó como os frescos, pintados na abóbada do tecto, representando a Assunção de Nossa Senhora .
A Casa dos Arcos é conhecida por ter albergado, em 1693, D. Catarina de Bragança, viúva de Carlos II, no seu regresso a Portugal. Em 1824 o proprietário do solar, José Maria de Sousa Macedo Almeida e Vasconcelos, foi agraciado com o título de Barão de Santa Comba, criado por D. João VI. Dez anos mais tarde, seriam feitas obras de melhoramento na estrutura.
Em 1935 o solar foi vendido a um novo proprietário, e em 1967 o Estado adquiria o imóvel. Nas décadas seguintes, foram elaborados vários projectos de utilização do espaço para fins turísticos e culturais. Sendo posteriormente destinada a albergar as mais diversas associações, em 1993 a Casa dos Arcos foi ocupada pela Biblioteca Municipal de Santa Comba Dão, que depois da adaptação dos espaços, foi instalada no andar nobre.
Catarina Oliveira
GIF/IPPAR/ Janeiro de 2006

Imagens

Bibliografia

Título

As mais belas vilas e aldeias de Portugal

Local

Lisboa

Data

1984

Autor(es)

GIL, Júlio

Título

Nobres Casas de Portugal

Local

Porto

Data

1958

Autor(es)

SILVA, António Lambert Pereira da

Título

Diccionário Chorographico de Portugal Continental e Insular

Local

Porto

Data

1948

Autor(es)

COSTA, Américo

Título

Cozinhas. Espaço e Arquitectura

Local

Lisboa

Data

2006

Autor(es)

PEREIRA, Ana Marques