Saltar para o conteúdo principal da página

Forte da Conceição, também denominado Forte de São João e Forte de São João da Barra - detalhe

Designação

Designação

Forte da Conceição, também denominado Forte de São João e Forte de São João da Barra

Outras Designações / Pesquisas

Forte de São João Batista / Forte da Conceição / Forte de São João / Forte de São João da Barra / Hotel Forte de São João da Barra(Ver Ficha em www.monumentos.gov.pt)

Categoria / Tipologia

Arquitectura Militar / Forte

Inventário Temático

-

Localização

Divisão Administrativa

Faro / Tavira / Conceição e Cabanas de Tavira

Endereço / Local

Sítio da Fortaleza
Cabanas

Proteção

Situação Actual

Classificado

Categoria de Protecção

Classificado como IIP - Imóvel de Interesse Público

Cronologia

Decreto n.º 43 073, DG, I Série, n.º 162, de 14-07-1960 (ver Decreto)

ZEP

-

Zona "non aedificandi"

-

Abrangido em ZEP ou ZP

Abrangido por outra classificação

Património Mundial

-

Descrição Geral

Nota Histórico-Artistica

O Forte da Conceição, ou de São João da Barra, foi mandado edificar em 1670 pelo Capitão Geral do Reino, o Conde de Vale de Reis, para reforçar a protecção da barra da Ria Formosa e o acesso ao porto de Tavira. A história da edificação da fortaleza está, aliás, documentada numa inscrição colocada sobre a porta de entrada, que indica ter sido também o conde quem mandou construir a ponte da cidade de Tavira.
A planta forma uma estrela de quatro pontas, possuindo baluartes nos ângulos, aos quais se acedem por rampas. O portal principal de arco pleno, virado a terra e antecedido por fosso, possui espaldar, no qual foram colocados o brasão real, a inscrição comemorativa da construção, e uma outra inscrição, datada de 1793, que indica que nesta data a fortaleza foi reedificada por Nuno de Mendonça e Moura, Conde de Vale de Reis, trineto do primeiro edificador do forte da barra de Tavira.
Com o açoreamento da ria e o desvio da barra para nascente, a fortaleza da Conceição perdeu as suas funções militares, tendo o seu espaço sido adaptado, recentemente, a Turismo da Natureza. O projecto de remodelação, da autoria do arquitecto Victor Mestre, aproveitou os edifícios remanescentes no interior da praça de armas, nomeadamente as cavalariças, os paióis, a casa do governador e a capela.
Catarina Oliveira
IGESPAR, I.P. / Setembro de 2008

Imagens

Bibliografia

Título

Corografia ou memoria economica, estadistica, e topografica do reino do Algarve

Local

Lisboa

Data

1841

Autor(es)

LOPES, João Baptista da Silva

Título

Castelos, fortalezas e torres da região do Algarve

Local

Faro

Data

1997

Autor(es)

COUTINHO, Valdemar

Título

Roteiro dos Monumentos Militares Portugueses

Local

Lisboa

Data

1948

Autor(es)

ALMEIDA, João de

Título

Algarve - Castelos, Cercas e Fortalezas

Local

Faro

Data

2008

Autor(es)

MAGALHÃES, Natércia