Saltar para o conteúdo principal da página

Ermida e Sítio do Senhor Jesus do Calvário - detalhe

Designação

Designação

Ermida e Sítio do Senhor Jesus do Calvário

Outras Designações

-

Categoria / Tipologia

Arquitectura Religiosa / Ermida

Inventário Temático

-

Localização

Divisão Administrativa

Lisboa / Torres Vedras / Santa Maria, São Pedro e Matacães

Endereço / Local

Monte do Senhor do Calvário
-

Proteção

Situação Actual

Classificado

Categoria de Protecção

Classificado como SIP - Sítio de Interesse Público

Cronologia

Portaria n.º 232/2013, DR, 2.ª série, n.º 72, de 12-04-2013 (toda a área é considerada ZNA) (ver Portaria)
Procedimento prorrogado até 30-06-2013 pelo Decreto-Lei n.º 265/2012, DR, 1.ª série, n.º 251, de 28-12-2012 (ver Diploma)
Anúncio n.º 13544/2012, DR, 2.ª série, n.º 197, de 11-10-2012 (ver Anúncio)
Parecer favorável de 25-07-2012 da SPAA do Conselho Nacional de Cultura
Proposta de 29-05-2012 da DRC de Lisboa e Vale do Tejo para a classificação como SIP
Procedimento prorrogado pelo Decreto-Lei n.º 115/2011, DR, 1.ª série, n.º 232, de 5-12-2011 (ver Diploma)
Procedimento prorrogado pelo Despacho n.º 19338/2010, DR, 2.ª série, n.º 252, de 30-12-2010 (ver Despacho)
Edital N.º 75/98, de 25-06-1998 da CM de Torres Vedras
Despacho de abertura 18-05-1998 do vice-presidente do IPPAR
Proposta de 4-05-1998 da DR de Lisboa para a abertura do processo de classificação da Ermida e Sítio do Senhor Jesus do Calvário
Em 27-10-1997 a CM de Torres Vedras enviou elementos para instrução do processo
Proposta de 18-09-1996 da Paróquia de Nossa Senhora da Oliveira para a classificação do Sítio do Calvário

ZEP

Portaria n.º 232/2013, DR, 2.ª série, n.º 72, de 12-04-2013 (toda a área é considerada área de sensibilidade arqueológica) (ver Portaria)
Anúncio n.º 13544/2012, DR, 2.ª série, n.º 197, de 11-10-2012 (ver Anúncio)
Parecer favorável de 25-07-2012 da SPAA do Conselho Nacional de Cultura
Proposta de 29-05-2012 da DRC de Lisboa e Vale do Tejo

Zona "non aedificandi"

-

Abrangido em ZEP ou ZP

Abrangido por outra classificação

Património Mundial

-

Descrição Geral

Nota Histórico-Artistica

O Monte do Senhor do Calvário é um sítio relevante na paisagem física e cultural do concelho de Torres Vedras, dominante sobre o rio Sizandro e o vale de Matacães. Embora se desconheça quando se terá dado a cristianização do local - a actual capela foi reedificada em 1771 -, é de crer que o culto e a romaria associada seja de tradição tardo-medieval, período em que se multiplicaram as devoções.
A ermida foi propriedade da família Trigoso, da Quinta Nova, unida por laços matrimoniais aos Falcão da Quinta do Juncal, permanecendo ainda vinculada a estes. A primeira referência conhecida data de 1632, ano em que foi concedido ao templo licença para nele se celebrar missa. Este dado evidencia que, já nessa altura, a ermida estava construída e era importante o suficiente para justificar possuir missa própria.
A sua actual configuração resulta de uma quase integral reforma, levada a cabo em 1771 por intermédio de D. Francisco Mendo Trigoso, bispo de Viseu, que obteve do Papa Pio VI regalias de altar privilegiado, em 1779, conforme inscrição do lado direito da capela-mor. É uma capela quadrangular de modestas proporções, que tem a particularidade de ostentar a cabeceira voltada a poente, e que integra alguns importantes elementos de património integrado: mármores no altar-mor, pia baptismal e lavabo da sacristia; uma imagem tutelar de Cristo Crucificado, data de 1712; brasão de armas do bispo sobre o arco triunfal; azulejaria figurativa dedicada à Paixão de Cristo (na capela) e Santo António (na sacristia, constituindo este o anterior orago do templo) e diverso mobiliário litúrgico.
PAF

Imagens