Saltar para o conteúdo principal da página

Pelourinho de Gonjoim - detalhe

Designação

Designação

Pelourinho de Gonjoim

Outras Designações / Pesquisas

Pelourinho de Goujoim / Pelourinho de Goujoim(Ver Ficha em www.monumentos.gov.pt)

Categoria / Tipologia

Arqueologia / Pelourinho

Inventário Temático

-

Localização

Divisão Administrativa

Viseu / Armamar / Aricera e Goujoim

Endereço / Local

-

Proteção

Situação Actual

Classificado

Categoria de Protecção

Classificado como IIP - Imóvel de Interesse Público

Cronologia

Decreto n.º 23 122, DG, I Série, n.º 231, de 11-10-1933 (ver Decreto) Ver inventário elaborado pela ANBA

ZEP

-

Zona "non aedificandi"

-

Abrangido em ZEP ou ZP

Abrangido por outra classificação

Património Mundial

-

Descrição Geral

Nota Histórico-Artistica

Sobre a vila de Gogim, nome original desta localidade, sabe-se que a sua origem é bastante recuada e anterior ao século XVI, época em que foi sede de concelho. Não se conhece a existência de qualquer foral e, ao que tudo indica, o seu pelourinho foi erguido tardiamente, já no século XVII. Assim o demonstra o ano de 1666 inscrito numa das faces da pedra de remate.
O pelourinho, que se ergue no centro da localidade, no local de convergência de três ruas, eleva-se sobre um degrau, e é constituído pela coluna de fuste cilíndrico e imperfeito. O remate, de secção circular na zona inferior e prismática na superior, apresenta quatro escudetes orientados de acordo com os pontos cardeais, um com a data já referida, outro com as armas de Portugal, outro com as iniciais I.B.B.B., e outro com cinco pontos em cruz com cinco traços divergentes em baixo que têm sido identificados como um possível relógio de sol (MALAFAIA, 1997, p. 221).
(RC)

Imagens

Bibliografia

Título

Pelourinhos Portugueses, Tentâmen de Inventário Geral

Local

Lisboa

Data

1997

Autor(es)

MALAFAIA, E. B. de Ataíde