Saltar para o conteúdo principal da página

«Memória» da Expedição da Sociedade de Geografia à Serra da Estrela, presidida pelo Dr. Sousa Martins, em 1881 - detalhe

Designação

Designação

«Memória» da Expedição da Sociedade de Geografia à Serra da Estrela, presidida pelo Dr. Sousa Martins, em 1881

Outras Designações / Pesquisas

Memória da Expedição da Sociedade de Geografia à Serra da Estrela (Ver Ficha em www.monumentos.gov.pt)

Categoria / Tipologia

Arquitectura Civil / Memorial

Inventário Temático

-

Localização

Divisão Administrativa

Castelo Branco / Covilhã / Cantar-Galo e Vila do Carvalho

Endereço / Local

Rua Penhas da Saúde, junto à EN 399 (Torralta)
-

Proteção

Situação Actual

Classificado

Categoria de Protecção

Classificado como IM - Interesse Municipal

Cronologia

A classificação como VC foi convertida para IM nos termos do n.º 2 do art.º 112.º da Lei n.º 107/2001, publicada no DR, I Série-A, N.º 209, de 8-09-2001
Decreto n.º 95/78, DR, I Série, n.º 210, de 12-09-1978 (ver Decreto)

ZEP

-

Zona "non aedificandi"

-

Abrangido em ZEP ou ZP

Abrangido por outra classificação

Património Mundial

-

Descrição Geral

Nota Histórico-Artistica

A primeira expedição à zona montanhosa da Serra da Estrela foi realizada no ano de 1881, organizada pela Sociedade de Geografia e integrando diversos membros ilustres desta associação, nomeadamente o Dr. Martins Sarmento e o médico Sousa Martins.
O objectivo da expedição era realizar uma exploração de bases científicas de uma das áreas mais inóspitas do país, até então pouco conhecida, tomando conhecimento das "riquezas" aí existentes, que se pensavam estar ligadas ao povo Lusitano, que as lendas populares afirmavam terem vivido naquela região resistindo ao domínio romano.
Para além deste estudo, foi em consequência da expedição de 1881 que o Dr. Sousa Martins chamou a atenção dos meios científicos de então para as excelentes condições climáticas que aquela região oferecia ao tratamento da tuberculose. Foi a partir desta data que o reputado médico defendeu a edificação de várias casas de saúde na zona da Guarda.
Terá sido depois de 1889 que foi edificado, na estrada junto ao antigo sanatório das Penhas da Saúde, um marco de pedra quadrangular, de grandes dimensões, coroado por pináculos e gravado em cada uma das faces com inscrições alusivas à Expedição da Sociedade de Geografia e às várias etapas que antecederam a edificação do sanatório, referindo a fundação da primeira casa de saúde para tuberculosos.
Nas respectivas inscrições pode ler-se: "Anno de 1881 / Expedição da / Sociedade de / Geographia e / Serra da Es- / trella, presi- / dida pelo Dr. / Souza Martins / e proposta / do mesmo pa- / ra creação de / Sanatórios / nos planaltos." ; "Anno de 1884 / Visita de Emy / gdio Navarro / à Serra publi- / cando o livro / Quatro dias / na Serra da / Estrella." ; "Anno de 1889 / Inauguração / da primeira / casa de saude / para tubercu- / losos em Por- / tugal devido / aos esforços / extraordina- / rios e perse- / verantes de / A. Cezar / Henriques." .
Catarina Oliveira
IPPAR/2006

Bibliografia

Título

Portugal antigo e moderno: diccionario geographico, estatistico, chorographico, heraldico, archeologico, historico, biographico e etymologico de todas as cidades, villas e freguezias de Portugal e de grande numero de aldeias...

Local

Lisboa

Data

1990

Autor(es)

PINHO LEAL, Augusto Soares d'Azevedo Barbosa de, FERREIRA, Pedro Augusto

Título

Expedição Scientífica à Serra da Estrella em 1881

Local

Lisboa

Data

1883

Autor(es)

SARMENTO, Francisco Martins

Título

1881 - A Guarda numa encruzilhada da Ciência, Revista Munda, nº 43, Maio de 2002

Local

Coimbra

Data

2002

Autor(es)

MARQUES, Palmira