Saltar para o conteúdo principal da página

Casa na Rua Actor Taborda, 54 e 56 - detalhe

Designação

Designação

Casa na Rua Actor Taborda, 54 e 56

Outras Designações / Pesquisas

Casa na Rua Actor Taborda, n.º 54 a 56(Ver Ficha em www.monumentos.gov.pt)

Categoria / Tipologia

Arquitectura Civil / Casa

Inventário Temático

-

Localização

Divisão Administrativa

Santarém / Abrantes / Abrantes (São Vicente e São João) e Alferrarede

Endereço / Local

Rua Actor Taborda (Antiga Rua Adiante)
Abrantes

Número de Polícia: 54

Proteção

Situação Actual

Classificado

Categoria de Protecção

Classificado como IM - Interesse Municipal

Cronologia

A classificação como VC foi convertida para IM nos termos do n.º 2 do art.º 112.º da Lei n.º 107/2001, publicada no DR, I Série-A, N.º 209, de 8-09-2001
Decreto n.º 129/77, DR, I Série, n.º 226, de 29-09-1977 (Nota - O decreto considerou incorretamente os números 54 e 56 como dois imóveis distintos) (ver Decreto)
Edital de 2-01-1976 da CM de Abrantes
Despacho de homologação de 18-03-1975 do Secretário de Estado da Cultura e Educação Permanente
Parecer favorável de 7-03-1975 da 4.ª Subsecção da 2.ª Secção da JNE
Proposta do delegado da JNE no concelho para a classificação como VC

ZEP

-

Zona "non aedificandi"

-

Abrangido por outra classificação

Património Mundial

-

Descrição Geral

Nota Histórico-Artistica

Situada numa das principais artérias da cidade, de comunicação privilegiada com o exterior, a Casa correspondente aos números 54 a 56 encontra-se na zona mais próxima ao convento da Esperança, ao qual se deve a antiga designação de Rua da Esperança. Na realidade, a Rua Actor Taborda, uma homenagem ao actor Francisco Alves da Silva Taborda, natural de Abrantes (1824-1909), é uma denominação que remonta ao final do século XIX e às primeiras décadas do seguinte, pois esta artéria incluía a já referida Rua da Esperança e a Rua Adeante.
O imóvel desenvolve-se em dois volumes diferenciados - um apresenta remate em empena, com cornija moldurada e beirado saliente; o outro termina em linha recta, mas igualmente com cornija e beirado salientes. No primeiro, as janelas dos andares superiores são simétricas, e no piso térreo rasgam-se duas portas. O segundo apresenta apenas uma porta e uma janela no eixo da fachada. Todos estes vãos são de moldura recta, sem qualquer elemento decorativo.
Nesta medida, a Casa n.º 54-56 enquadra-se na denominada arquitectura corrente, com certeza setecentista, testemunho de uma época construtiva de grande significado em Abrantes, e da qual subsiste, hoje, um número elevado de exemplares.
(RC)

Imagens

Bibliografia

Título

Toponimia Abrantina.

Local

-

Data

-

Autor(es)

CAMPOS, Eduardo