Saltar para o conteúdo principal da página

Ermida de Nossa Senhora do Pranto - detalhe

Designação

Designação

Ermida de Nossa Senhora do Pranto

Outras Designações / Pesquisas

Ermida de Nossa Senhora do Pranto(Ver Ficha em www.monumentos.gov.pt)

Categoria / Tipologia

Arquitectura Religiosa / Ermida

Inventário Temático

-

Localização

Divisão Administrativa

Santarém / Mação / Envendos

Endereço / Local

Rua Vale do Grou
-

Proteção

Situação Actual

Classificado

Categoria de Protecção

Classificado como IM - Interesse Municipal

Cronologia

A classificação como VC foi convertida para IM nos termos do n.º 2 do art.º 112.º da Lei n.º 107/2001, publicada no DR, I Série-A, N.º 209, de 8-09-2001
Decreto n.º 129/77, DR, I Série, n.º 226, de 29-09-1977 (ver Decreto)
Edital N.º 1976 de 30-06-1976 da CM de Mação
Despacho de homologação de 30-12-1974 do Secretário de Estado da Cultura e Educação Permanente
Parecer de 13-12-1974 da 4.ª Subsecção da 2.ª Secção da JNE a propor a classificação como VC
Proposta de classificação de 4-06-1973 da Comissão Municipal de Arte e Arqueologia da CM de Mação

ZEP

-

Zona "non aedificandi"

-

Abrangido em ZEP ou ZP

Abrangido por outra classificação

Património Mundial

-

Descrição Geral

Nota Histórico-Artistica

A Ermida de Nossa Senhora do Pranto é uma construção de finais do século XVII (1697), realizada por Pero Eanes, prior da Ordem de Cristo, conforme indica a lápide do segundo registo da fachada principal. Na inscrição menciona-se que se procedeu a uma reconstrução, o que prova ser o templo bem mais antigo, embora se desconheça a época em que se efectuou a edificação original.
É um templo modesto, de nave única e capela-mor quadrangular. A fachada principal é de pano único, rasgada axialmente por portal de arco de volta perfeita, levemente abatido, de impostas e fecho salientes. Superiormente, exibe-se composição escultórica acompanhada de epígrafe e a empena triangular alberga pequena solução sineira do lado direito.
No interior destaca-se o arco triunfal, a pleno centro assente em pilastras molduradas, enquanto que o retábulo-mor se resume a um popular altar que enquadra a imagem de Nossa Senhora do Pranto ladeada por dois nichos.
Em zona rural e descampada, a ermida serviu a população circundante e continua a desempenhar as funções de apoio religioso à comunidade, nela se efectuando uma importante romaria no 2º Domingo de Agosto.
PAF