Saltar para o conteúdo principal da página

Padrão da Ponte do Espírito Santo - detalhe

Designação

Designação

Padrão da Ponte do Espírito Santo

Outras Designações / Pesquisas

Padrão da Ponte do Espírito Santo(Ver Ficha em www.monumentos.gov.pt)

Categoria / Tipologia

Arquitectura Civil / Padrão

Inventário Temático

-

Localização

Divisão Administrativa

Lisboa / Alenquer / Alenquer (Santo Estêvão e Triana)

Endereço / Local

Parque 25 de Abril
Alenquer

Proteção

Situação Actual

Classificado

Categoria de Protecção

Classificado como IM - Interesse Municipal

Cronologia

A classificação como VC foi convertida para IM nos termos do n.º 2 do art.º 112.º da Lei n.º 107/2001, publicada no DR, I Série-A, N.º 209, de 8-09-2001
Declaração de Rectificação n.º 10-E/96, DR, I Série-B, n.º 127, de 31-05-1996 (rectificou o nome da freguesia) (ver Declaração)
Decreto n.º 2/96, DR, I Série-B, n.º 56, de 6-03-1996 (ver Decreto)

ZEP

-

Zona "non aedificandi"

-

Abrangido em ZEP ou ZP

Abrangido por outra classificação

Património Mundial

-

Descrição Geral

Nota Histórico-Artistica

Em pleno centro histórico de Alenquer, na ponte que separa a vila e coloca em comunicação os Largos do Espírito Santo e Palmira Bastos, este padrão é um significativo elemento patrimonial urbano, cuja preservação se impõe, em relação com outros marcos da vila, designadamente a Ponte do Espírito Santo e a Capela e Antiga Albergaria do Espírito Santo. Apesar de não possuir a antiguidade destas últimas realizações, o padrão é indissociável deste trecho urbanístico.
A ponte foi originalmente construída no reinado de D. Sebastião, conforme testemunha a inscrição comemorativa.