Saltar para o conteúdo principal da página

Ermida de São Domingos - detalhe

Designação

Designação

Ermida de São Domingos

Outras Designações / Pesquisas

Igreja de São Domingos / Igreja de São Domingos / Ermida de São Domingos(Ver Ficha em www.monumentos.gov.pt)

Categoria / Tipologia

Arquitectura Religiosa / Igreja

Inventário Temático

-

Localização

Divisão Administrativa

Évora / Vila Viçosa / Nossa Senhora da Conceição e São Bartolomeu

Endereço / Local

- São Domingos
Vila Viçosa

Proteção

Situação Actual

Classificado

Categoria de Protecção

Classificado como MIP - Monumento de Interesse Público

Cronologia

Portaria n.º 307/2013, DR, 2.ª série, n.º 99, de 23-05-2013 (ver Portaria)
Despacho de 3-04-2013 da diretora-geral da DGPC a determinar a alteração da designação do procedimento para "Ermida de São Domingos"
Relatório final do procedimento aprovado por despacho de 28-01-2013 da diretora-geral da DGPC
Procedimento prorrogado até 30-06-2013 pelo Decreto-Lei n.º 265/2012, DR, 1.ª série, n.º 251, de 28-12-2012 (ver Diploma)
Anúncio n.º 13673/2012, DR, 2.ª série, n.º 218, de 12-11-2012 (ver Anúncio)
Despacho de homologação de 21-06-2012 do diretor-geral da DGPC
Parecer de 18-06-2012 da SPAA do Conselho Nacional de Cultura para a classificação como MIP da Igreja de São Domingos
Proposta de 19-04-2012 da DRC do Alentejo para a classificação como MIP da igreja/ermida
Anúncio n.º 3782/2012, DR, 2.ª série, n.º 36, de 20-02-2012 (ver Anúncio)
Procedimento prorrogado pelo Decreto-Lei n.º 115/2011, DR, 1.ª série, n.º 232, de 5-12-2011(ver Diploma)
Procedimento prorrogado pelo Despacho n.º 19338/2010, DR, 2.ª série, n.º 252, de 30-12-2010 (ver Despacho)
Despacho de abertura de 7-12-2005 do presidente do IPPAR
Proposta de 28-07-2005 da DR de Évora para abertura da instruçaõ do processo de classificação da Igreja de São Domingos
Processo iniciado em 1986 no IPPC

ZEP

Despacho de 6-01-2014 da diretora-geral da DGPC a devolver o processo à DRC do Alentejo para reanálise
Proposta de 18-11-2013 da DRC do Alentejo

Zona "non aedificandi"

-

Abrangido em ZEP ou ZP

Abrangido por outra classificação

Património Mundial

-

Descrição Geral

Nota Histórico-Artistica

A data de fundação da Ermida de São Domingos remonta a meados do século XVI, à época do duque D. Teodósio I (ESPANCA, 1975). O templo conserva, sem grandes alterações, a planimetria original, embora actualmente a sua estrutura se encontre bastante degradada.
A planta dispõe-se longitudinalmente, composta pelos volumes do nartex, da nave e da capela-mor, à qual se adossam dependências laterais. O átrio é aberto por um grande arco de volta perfeita, terminando em empena. A fachada principal é rasgada por portal de moldura rectangular sem decoração, no eixo do qual foi colocada a sineira.
A nave, um espaço único que se diferencia da capela-mor, é coberta por uma abóbada totalmente revestida com pintura a fresco executada no século XVIII. Este conjunto pictórico é composto por nove quadros com cenas da vida de São Domingos (Idem, ibidem) pintadas em trompe l'oeil e emolduradas por elementos de arquitectura em perspectiva.
Ao centro da capela-mor foi colocado o altar, encimado por um nicho onde originalmente se encontrava um retábulo. Este espaço é coberto por cúpula, decorada com motivos de brutesco pintados a fresco, pintados nos últimos anos do século XVII.
Túlio Espanca (Idem, ibidem) relata a existência de um retábulo de talha dourada em estilo nacional e de forro azulejar polícromo, datados também dos finais do século XVII, mas que hoje em dia não integram já o programa decorativo da ermida.
Catarina Oliveira
IPPAR/2006

Imagens

Bibliografia

Título

Memórias de Vila Viçosa, vol. IV

Local

Vila Viçosa

Data

1987

Autor(es)

ESPANCA, Pe. Joaquim da Rocha

Título

Inventário Artístico de Portugal - vol. IX (Distrito de Évora, Zona Sul, volume I)

Local

Lisboa

Data

1978

Autor(es)

ESPANCA, Túlio

Título

Ermida de S. Domingos, A Cidade de Évora, nº 56, pp. 109 - 110

Local

Évora

Data

1973

Autor(es)

ESPANCA, Túlio