Saltar para o conteúdo principal da página

Torre do Relógio Velho, da Vila de Pombal - detalhe

Designação

Designação

Torre do Relógio Velho, da Vila de Pombal

Outras Designações / Pesquisas

Torre do Relógio Velho de Pombal (Ver Ficha em www.monumentos.gov.pt)

Categoria / Tipologia

Arquitectura Civil / Torre

Inventário Temático

-

Localização

Divisão Administrativa

Leiria / Pombal / Pombal

Endereço / Local

Rua do Relógio Velho
Pombal

Proteção

Situação Actual

Classificado

Categoria de Protecção

Classificado como MN - Monumento Nacional

Cronologia

Decreto n.º 29 604, DG, I Série, n.º 112, de 16-05-1939 (ver Decreto)

ZEP

Portaria n.º 740-BX/2012, DR, 2.ª série, n.º 248 (suplemento), de 24-12-2012 (sem restrições) (ver Portaria)
Despacho de homologação de 25-02-2010 do Secretário de Estado da Cultura
Parecer favorável de 23-04-2008 do Conselho Consultivo do IGESPAR, I.P.
Proposta de 13-12-2007 da DRC do Centro

Zona "non aedificandi"

-

Abrangido em ZEP ou ZP

Abrangido por outra classificação

Património Mundial

-

Descrição Geral

Nota Histórico-Artistica

Situada na encosta de Santo Amaro, a Torre do Relógio Velho foi mandada construir por D. Pedro I para que ali se recolhessem, no dia de São Martinho, os tributos devidos à Coroa por judeus e mouros.
Nos finais do século XV a torre demarcava o local de separação entre o velho burgo de Pombal, situado entre este edifício e o castelo, e os novos arruamentos, que se estendiam até ao rio Arunca.
O edifício da torre desenvolve-se em planta quadrangular de dois registos, sendo o inferior de base maior. Nas paredes foram rasgadas duas janelas e uma porta. O conjunto é rematado por merlões e um coruchéu prismático. No interior, os dois andares da torre são divididos por sobrados de madeira.
Foi em 1509 que foram executadas obras de melhoramento à torre, sendo executada a instalação de um relógio mecânico e de uma sineta, para que os toques para as orações diárias fossem dados a horas certas.
Catarina Oliveira
GIF/IPPAR/2006

Imagens

Bibliografia

Título

Inventário Artístico de Portugal, vol. V (Distrito de Leiria)

Local

Lisboa

Data

1955

Autor(es)

SEQUEIRA, Gustavo de Matos