Saltar para o conteúdo principal da página

Igreja Matriz de Santa Marinha de Trevões - detalhe

Designação

Designação

Igreja Matriz de Santa Marinha de Trevões

Outras Designações / Pesquisas

Igreja Paroquial de Santa Marinha de Trevões / Igreja de Santa Marinha (Ver Ficha em www.monumentos.gov.pt)

Categoria / Tipologia

Arquitectura Religiosa / Igreja

Inventário Temático

-

Localização

Divisão Administrativa

Viseu / São João da Pesqueira / Trevões e Espinhosa

Endereço / Local

Largo do Adro
Trevões

Proteção

Situação Actual

Classificado

Categoria de Protecção

Classificado como MN - Monumento Nacional

Cronologia

Decreto n.º 7 586, DG, I Série, n.º 138, de 8-07-1921 (ver Decreto)

ZEP

Portaria n.º 222/2010, DR, 2.ª Série, n.º 55, de 19-03-2010 (sem restrições) (ZEP do Solar do Paço Episcopal, da Igreja de Santa Marinha e do Solar dos Caiado Ferrão) (ver Portaria)
Despacho de homologação de 7-10-2009 do Ministro da Cultura
Parecer favorável de 16-05-2007 do Conselho Consultivo do IGESPAR, I.P.
Proposta de 20-03-2007 da DR do Porto (ZEP conjunta do Solar do Paço Episcopal, do Solar da família Caiado Ferrão e da Igreja Matriz de Santa Marinha de Trevões)

Zona "non aedificandi"

-

Abrangido em ZEP ou ZP

Abrangido por outra classificação

Património Mundial

-

Descrição Geral

Nota Histórico-Artistica

Elevada a sede paroquial no século XIII, a Igreja de Santa Marinha de Trevões é um edifício eclético derivado de uma campanha de obras seiscentista que soube integrar harmoniosamente os elementos medievais.
De nave única, o templo desenvolve-se em planimetria rectangular, apresentando junto à fachada, do lado direito, uma grande torre sineira, edificada já no século XVIII.
ao centro do frontispício foi rasgado o portal de arco quebrado, cujas arquivoltas assentam sobre capitéis vegetalistas estilizados. É precedido por conjunto de degraus e encimado por janela gradeada.
O interior é coberto por tecto de madeira de caixotões de talha dourada de estilo nacional, executado na mesma época em que foi executada a maior parte dos retábulos que decoram o templo.
Do lado da Epístola foi edificada a Capela dos Melos, uma obra tardo-maneirista edificada cerca de 1628, que alberga um retábulo e apresenta vestígios do primitivo túmulo dos seus fundadores, Fernão da Luz Seixas e sua mulher Isabel Danciaes da Fonseca.
Na parede fundeira, atrás do retábulo-mor, foi executado um conjunto de pinturas murais em trompe l'oeil , representando um tabernáculo com sacrário e a imagem de Santa Marinha.
Catarina Oliveira
IPPAR/2007

Imagens

Bibliografia

Título

Artistas e Artífices nas Dioceses de Viseu e Lamego

Local

Viseu

Data

2001

Autor(es)

ALVES, Alexandre

Título

Igreja Matriz de Santa Marinha de Trevões, São João da Pesqueira, in Monumentos, n.º 14

Local

Lisboa

Data

2001

Autor(es)

CAETANO, Joaquim Inácio, FREIRE, Rita Vaz, LORENA, Mercês

Título

Trevões - História e Património

Local

São João da Pesqueira

Data

2001

Autor(es)

FAUVRELLE, Natália, SEQUEIRA, Carla

Título

São João da Pesqueira, coração do Douro

Local

Porto

Data

1992

Autor(es)

MONTEIRO, J. Gonçalves