Saltar para o conteúdo principal da página

Casa Alpendrada - detalhe

Designação

Designação

Casa Alpendrada

Outras Designações / Pesquisas

Casa Alpendrada, na Travessa de São José e Rua do Hospital / Casa Alpendrada na Travessa de São José(Ver Ficha em www.monumentos.gov.pt)

Categoria / Tipologia

Arquitectura Civil / Casa

Inventário Temático

-

Localização

Divisão Administrativa

Leiria / Bombarral / Carvalhal

Endereço / Local

Travessa de São José
Carvalhal

Rua do Hospital
Carvalhal

Proteção

Situação Actual

Classificado

Categoria de Protecção

Classificado como IM - Interesse Municipal

Cronologia

A classificação como VC foi convertida para IM nos termos do n.º 2 do art.º 112.º da Lei n.º 107/2001, publicada no DR, I Série-A, N.º 209, de 8-09-2001
Decreto n.º 45/93, DR, I Série-B, n.º 280, de 30-11-1993 (classificou como VC) (ver Decreto)
Edital N.º 30/84 de 31-12-1984 da CM do Bombarral
Despacho de homologação de 5-02-1984 do Ministro da Cultura
Despacho de concordância de 2-02-1984 da presidente do IPPC
Parecer de 31-01-1984 da Assessoria Técnica do IPPC a propor a classificação como VC
Proposta de classificação de 9-12-1980 de professores do ensino primário do concelho do Bombarral

ZEP

-

Zona "non aedificandi"

-

Abrangido em ZEP ou ZP

Abrangido por outra classificação

Património Mundial

-

Descrição Geral

Nota Histórico-Artistica

Situada no centro do Bombarral, esta casa terá sido edificada no século XVII. O edifício, de planta rectangular, destaca-se pela varanda alpendrada adossada na frontaria da casa.
É uma casa rural, dividida em dois registos, de tipo torreado. O acesso ao piso térreo faz-se por duas portas rasgadas na fachada lateral. O piso superior, que apresenta várias janelas de moldura rectangular ao longo da fachada lateral, abre para o alpendre, precedido por escadaria, que assenta sobre pilares dóricos.
A divisão interna da casa obedece aos pressupostos da tratadística da época, sendo o piso térreo reservado às dependências de serviço e arrumos, e o piso superior às salas nobres a às divisões de habitação familiar.
Catarina Oliveira
GIF/IPPAR/ 20 de Junho de 2005

Imagens