Saltar para o conteúdo principal da página

Aqueduto do Convento de Cristo - detalhe

Designação

Designação

Aqueduto do Convento de Cristo

Outras Designações / Pesquisas

Aqueduto de Pegões / Aqueduto do Convento de Cristo (Troço dos Pegões) (Ver Ficha em www.monumentos.gov.pt)

Categoria / Tipologia

Arquitectura Civil / Aqueduto

Inventário Temático

-

Localização

Divisão Administrativa

Santarém / Tomar / Tomar (São João Baptista) e Santa Maria dos Olivais

Endereço / Local

Vale dos Pegões
Tomar

Vale da Felpinheira
Tomar

Mata do Convento
Tomar

Proteção

Situação Actual

Classificado

Categoria de Protecção

Classificado como MN - Monumento Nacional

Cronologia

Decreto de 16-06-1910, DG, n.º 136, de 23-06-1910 (ver Decreto)

ZEP

Portaria n.º 328/79, DR, I Série, n.º 155, de 7-07-1979 (com ZNA) (ZEP do troço de Pegões do aqueduto do Convento de Cristo) (ver Portaria)
Edital de 29-06-1978 da CM de Tomar
Despacho de homologação de 3-03-1978 do Secretário de Estado da Cultura
Parecer favorável de 24-02-1978 da COISPCN
Proposta de 27-01-1978 da DGEMN
Despacho de homologação de 19-04-1977 do Secretário de Estado da Investigação Científica
Parecer de 1-04-1977 da 4.ª Sub-Secção da 2.ª Secção da JNE a propor a reanálise da proposta
Proposta de 9-11-1976 da CM de Tomar para a ZEP do Aqueduto dos Pegões
Portaria de 30-08-1946, publicada no DG, n.º 265, de 14-11-1946 (ZEP do mosteiro de Cristo, aqueduto e castelo de Tomar)

Zona "non aedificandi"

Portaria n.º 328/79, DR, I Série, n.º 155, de 07-07-1979
Portaria de 30-08-1946, publicada no DG, n.º 265, de 14-11-1946

Abrangido em ZEP ou ZP

Abrangido por outra classificação

Património Mundial

-

Descrição Geral

Nota Histórico-Artistica

O aqueduto do Convento de Cristo, ou dos Pegões, foi projectado no início do reinado de Filipe I com o objectivo de conduzir a água a partir de quatro nascentes diferentes, situadas nos arredores da cidade de Tomar, até ao convento. Desde a sua edificação, a casa conventual de Tomar tinha um "elaborado sistema" de abastecimento de água, formado por "(...) uma série de cisternas, abertas nos principais claustros" que se enchiam com as águas das chuvas (GRAÇA, 1991, p. 85).
Durante a sua estadia em Portugal, depois de aclamado rei português nas cortes da cidade, Filipe I decidiu ampliar o abastecimento de água do Convento de Cristo, verificando-se então a necessidade de construir um aqueduto, numa estrutura semelhante à dos que haviam sido edificados em Elvas e Évora, sendo o modelo repetido alguns anos depois no aqueduto de Vila do Conde, que abastecia o Convento de Santa Clara (FRANÇA, 1994, p. 97).
A traça do aqueduto foi executada em 1584 por Filippo Terzi, arquitecto-mor do Reino, iniciando-se a obra em 1593 (Idem, ibidem). Depois da morte do arquitecto, a direcção dos trabalhos de edificação passou para Pedro Fernandes de Torres (Idem, ibidem). No entanto, a primeira fase dos trabalhos só seria concluída em 1614, data em que Filipe II veio a Portugal e inaugurou a obra, como indica a inscrição gravada no aqueduto.
O aqueduto estende-se ao longo de cerca de 6 quilómetros, sendo composto por um total de 180 arcos de volta perfeita, que na zona de maior declive, sobre o vale de Pegões, assentam num conjunto de 16 arcos quebrados. Nas extremidades da estrutura foram edificadas duas mães d' água, rematadas exteriormente por cúpulas, e que no interior abobadado albergam uma larga bacia destinada à depuração das águas.
Atingindo a cerca do convento, o aqueduto ia desembocar num tanque de rega, junto ao qual foi colocada uma inscrição latina que se reporta à execução da obra (GRAÇA, 1991, p. 88). Em 1616, já com a direcção das obras entregue a Diogo Marques Lucas (FRANÇA, 1994, p. 97), a canalização do aqueduto foi prolongada para o edifício conventual, alcançando o lavatório dos dormitórios no ano seguinte, e chegando à fonte do claustro principal em 1619, data em que se concluiu a obra.
Catarina Oliveira
GIF/IPPAR/ 6 de Fevereiro de 2006

Imagens

Bibliografia

Título

História de Tomar

Local

Tomar

Data

1982

Autor(es)

ROSA, Amorim

Título

Tomar

Local

Lisboa

Data

1994

Autor(es)

FRANÇA, José-Augusto

Título

Convento de Cristo

Local

Lisboa

Data

1991

Autor(es)

GRAÇA, Luís Maria Pedrosa dos Santos

Título

A Arquitectura do Ciclo Filipino

Local

Vila Nova de Gaia

Data

2009

Autor(es)

SOROMENHO, Miguel

Título

O Convento de Cristo em Tomar e as obras durante o período filipino, Dissertação de Mestrado apresentada à Faculdade de Letras de Lisboa

Local

Lisboa

Data

1990

Autor(es)

JANA, Ernesto