Saltar para o conteúdo principal da página

Povoado da Serra do Socorro e Capela de Nossa Senhora do Socorro - detalhe

Designação

Designação

Povoado da Serra do Socorro e Capela de Nossa Senhora do Socorro

Outras Designações

Santuário de Nossa Senhora do Socorro

Categoria / Tipologia

Arqueologia / Povoado

Inventário Temático

-

Localização

Divisão Administrativa

Lisboa / Mafra; Torres Vedras / Enxara do Bispo, Gradil e Vila Franca do Rosário; Turcifal; Dois Portos e Runa

Endereço / Local

Serra do Socorro
Turcifal

Serra do Socorro
Enxara do Bispo

Proteção

Situação Actual

Classificado

Categoria de Protecção

Classificado como IIP - Imóvel de Interesse Público

Cronologia

Decreto n.º 26-A/92, DR, I Série-B, n.º 126, de 1-06-1992 (ver Decreto)

ZEP

-

Zona "non aedificandi"

-

Abrangido em ZEP ou ZP

Abrangido por outra classificação

Património Mundial

-

Descrição Geral

Nota Histórico-Artistica

Localizados entre Mafra e Torres Vedras, o Povoado da Serra do Socorro e a Capela de Nossa Senhora do Socorro encontram-se implantados no topo da Serra do mesmo nome, de forma destacada e com excelente visibilidade sobre toda a região envolvente.
O povoado fortificado da Idade do Ferro apresenta forma ovalada, ocupando uma área total com cerca de trezentos metros no seu eixo maior e cem no menor, delimitada por amuralhado erguido com blocos de basalto, cujo acesso interior era realizado através de duas entradas, uma das quais lajeada. E apesar de ainda não se ter procedido a um estudo mais profundo e sistematizado deste sítio arqueológico, o material recolhido até ao momento permitirá confirmar o seu prolongamento ocupacional já em plena época romana e medieval. Alguns dos artefactos colhidos encontram-se presentemente expostos ao público no Museu Municipal de Torres Vedras, que ostentao nome de Leonel Trindade, um dos primeiros investigadores a prospectar o local.
Embora não se conheça exactamente as suas origens, e apesar da tradição popular fazer remontar a sua utilização primeva ao período da ocupação árabe, quando teria sido fruída como mesquita, posteriormente convertida em templo cristão por D. Afonso Henriques (1109-1185), a capela que se ergue actualmente no centro do primitivo povoado proto-histórico resultará de uma campanha gótico-manuelina executada no século XVI na ermida com o orago de N. Sra. do Socorro, construída entre os séculos XII e XIII. Nesta altura, terão sido construídas algumas habitações em seu redor, designadamente para albergar os romeiros que afluíam em grande número ao local, ainda hoje objecto de significativa devoção, confirmada, aliás, pelas festividades anuais (a cinco de Agosto), que contemplam missa solene, procissão e arraial, cujo terreiro era, até 1668, arrematado, revertendo o valor assim obtido a favor da ermida.
Por conseguinte, foi entre quinhentos e seiscentos que a capela adquiriu as características construtivas manuelinas presentemente visíveis, beneficiando-se o seu interior ao longo dos séculos subsequentes, embora o aspecto geral hoje patenteado resulte das campanhas efectuadas já nas primeiras décadas do século XIX, até que, em 1996, um incêndio deflagrou na sala das velas, consumindo o coro e enegrecendo parte significativa da nave e da capela-mor, tendo-se já procedido a algumas intervenções de conservação.
Precedida de galilé com abóbada de berço, a capela, de nave única, é coberta por abóbada de cruzaria de ogivas, de nervuras chanfradas com bocetes decorados assentes sobre colunas com capitéis alusivos a elementos náuticos. De planta quadrada, a capela-mor apresenta-se cortada aos cantos por nichos, forrada lateralmente com painéis azulejares, executados a azul e branco evocativos, dos quatro Evangelistas (S. Mateus, S. Marcos, S. Lucas e S. João) e coberta por abóbada de nervuras. No altar-mor, de talha pintada e dourada, sobressai, sobre o sacrário, a imagem de Nossa Senhora do Socorro com o menino nos braços, ladeada por três nichos ostentando as imagens de S. Joaquim e de Sta. Ana.
[AMartins]

Imagens

Bibliografia

Título

"Tesouros Artísticos de Portugal"

Local

Lisboa

Data

1976

Autor(es)

ALMEIDA, José António Ferreira de

Título

"Carta do Património do Concelho de Mafra. 1. O Manuelino, Boletim Cultural '94, pp.309-318"

Local

Mafra

Data

1994

Autor(es)

VILAR, Maria do Carmo

Título

"A arquitectura e a escultura monumental na região de Mafra entre o Gótico e o Classicismo, Do Gótico ao Maneirismo. A arte na região de Mafra na Época dos Descobrimentos, pp.21-31"

Local

Mafra

Data

2002

Autor(es)

PEREIRA, Fernando António Baptista

Título

"Capela de Nossa Senhora do Socorro - Enxara do Bispo. De entre culturas, a devoção, Monumentos"

Local

Lisboa

Data

1999

Autor(es)

SILVEIRA, Ângelo Costa

Título

"Memórias e Memorialistas. 1. Memórias Paroquiais, Boletim Cultural '96, pp. 307-344"

Local

Mafra

Data

1997

Autor(es)

GORJÃO, Sérgio

Título

"Identidades. Património Arquitectónico do Concelho de Mafra"

Local

Mafra

Data

2009

Autor(es)

FERNANDES, Paulo Almeida, VILAR, Maria do Carmo

Título

"Serra do Socorro: uma aproximação à sua caracterização arqueológica no contexto da Estremadura Atlântica, Boletim Cultural 2003, pp. 308-358"

Local

Mafra

Data

2004

Autor(es)

MATIAS, Carla

Título

"Carta do Património do Concelho de Mafra. 1. A Ermida de Nossa Senhora do Socorro, Boletim Cultural 2007, pp. 531-575"

Local

Mafra

Data

2008

Autor(es)

FERNANDES, Paulo Almeida, VILAR, Maria do Carmo