Saltar para o conteúdo principal da página

Antigo palacete de João Carlos Infante Passanha - detalhe

Designação

Designação

Antigo palacete de João Carlos Infante Passanha

Outras Designações / Pesquisas

Solar dos Frades / Palacete de João Carlos Infante Passanha / Solar dos Frades (Ver Ficha em www.monumentos.gov.pt)

Categoria / Tipologia

Arquitectura Civil / Palacete

Inventário Temático

-

Localização

Divisão Administrativa

Beja / Ferreira do Alentejo / Ferreira do Alentejo e Canhestros

Endereço / Local

Rua Miguel Bombarda, anexo ao n.º 10
Ferreira do Alentejo

Proteção

Situação Actual

Classificado

Categoria de Protecção

Classificado como IM - Interesse Municipal

Cronologia

Aviso n.º 7515/2003, Apêndice n.º 147, 2.ª série, n.º 225, de 29-09-2003 (ver Aviso)
Deliberaçãode 16-10-2002 da CM de Ferreira do Alentejo a aprovar a classificação como de IM

ZEP

-

Zona "non aedificandi"

-

Abrangido em ZEP ou ZP

Abrangido por outra classificação

Património Mundial

-

Descrição Geral

Nota Histórico-Artistica

Imóvel
O antigo palacete da família Passanha localiza-se em plena zona histórica da vila, junto da Igreja Matriz e na vizinhança do antigo rossio espaço conhecido tanto para encontros sociais como para festividades e rituais religiosos. À semelhança do que sucedeu com os demais edifícios mandados erguer pela família Passanha, também este palacete imprimiu uma nova feição às antigas artérias de Ferreira do Alentejo, conferindo-lhes um carácter mais urbano. De facto, o imóvel que representa um bom exemplo de uma casa apalaçada de finais de setecentos, inícios de oitocentos, possuiu dois andares, surgindo o andar nobre rematado superiormente por um frontão triangular decorado com motivos florais em argamassa relevada enquanto os cantos aparecem definidos por pilastras fingidas. A este nível surgem, também, três janelas de sacada sobre uma varanda corrida em ferro forjado. O piso térreo, por sua vez, encontra-se dividido em três panos possuindo um total de quatro janelas protegidas por grades de ferro forjado, abrindo-se ainda ao centro um portal retangular totalmente despojado.

História
O edifício construído inicialmente para casa de habitação foi posteriormente transformado em prisão e em colégio, encontrando-se hoje convertido em Turismo de Habitação procurando ainda assim preservar a atmosfera romântica que em tempos caraterizou esta morada, especialmente plasmada nos pormenores decorativos. Ana Martins/IGESPAR/2007. Atualizado por Maria Ramalho/DGPC/2016.

Imagens

Bibliografia

Título

Inventário Artístico de Portugal - Distrito de Beja, Vol. XII

Local

Lisboa

Data

1992

Autor(es)

ESPANCA, Túlio

Título

Inventário Artístico de Portugal - Aveiro, Beja, Coimbra, Évora, Leiria, Portalegre, Porto e Santarém

Local

Lisboa

Data

2000

Autor(es)

SEQUEIRA, Gustavo de Matos