Saltar para o conteúdo principal da página

Casa e Quinta da Boavista, integrando a fonte existente nos jardins - detalhe

Designação

Designação

Casa e Quinta da Boavista, integrando a fonte existente nos jardins

Outras Designações / Pesquisas

Casa da Boavista e Quinta da Boavista / Casa e Quinta da Boavista (Ver Ficha em www.monumentos.gov.pt)

Categoria / Tipologia

Arquitectura Civil / Quinta

Inventário Temático

-

Localização

Divisão Administrativa

Aveiro / Castelo de Paiva / Sobrado e Bairros

Endereço / Local

Quinta da Boavista
Lugar da Boavista

Proteção

Situação Actual

Classificado

Categoria de Protecção

Classificado como MIP - Monumento de Interesse Público

Cronologia

Portaria n.º 740-FP/2012, DR, 2.ª série, n.º 252 (suplemento), de 31-12-2012 (ver Portaria)
Anúncio n.º 13601/2012, DR, 2.ª série, n.º 203, de 19-10-2012 (ver Anúncio)
Parecer favorável de 26-09-2012 da SPAA do Conselho Nacional de Cultura
Nova proposta de 23-07-2012 da DRC do Norte para a classificação da "Casa e Quinta da Boavista, integrando a fonte existente nos jardins" como MIP
Procedimento prorrogado até 31-12-2012 pelo Decreto-Lei n.º 115/2011, DR, 1.ª série, n.º 232, de 5-12-2011 (ver Diploma)
Procedimento prorrogado pelo Despacho n.º 19338/2010, DR, 2.ª série, n.º 252, de 30-12-2010 (ver Despacho)
Devolvido à DR do Porto por despacho de 30-03-2006 da vice-presidente do IPPAR para juntar proposta de ZEP
Proposta de 16-09-2005 da DR do Porto para a classificação como IIP
Despacho de abertura de 10-03-2003 do vice-presidente do IPPAR
Proposta de 28-02-2003 da DR do Porto para a abertura do procedimento de classificação da Casa e Quinta da Boavista, integrando a «Fonte existente nos Jardins da Quinta da Boavista», já classificada como IIP
Proposta de 8-02-1995 da APC para a classificação da Casa da Boavista

ZEP

-

Zona "non aedificandi"

-

Abrangido em ZEP ou ZP

Abrangido por outra classificação

Património Mundial

-

Descrição Geral

Nota Histórico-Artistica

Localizada à entrada da Vila de Castelo de Paiva, a "Casa e Quinta da Boavista, integrando Fonte existente nos Jardins da Quinta da Boavista" ostenta portão oitocentista encimado pela pedra de armas esquartelada dos Pintos, Vasconcelos, Mirandas e Montenegros, sobrepujado por coroa condal.
Dotada de jardins românticos ponteados de frondosas sebes de buxo e de tanques rodeando monumental fontanário maneirista profusamente decorado com mascarões com saídas de água formada por duas taças unidas por colunas lavradas com motivos de folha de acanto e cabeças aladas, proveniente do convento de Pombeiro de Ribavizela, a Quinta alberga ainda cavalariças, garagens e área de arrumações, além do corpo central, correspondente à residência.
Desenvolvida em 'L' ao longo de dois registos, a casa apresenta alçados com os característicos cunhais boleados seiscentistas, ostentando, na fachada voltada para o terreno, brasão dos Correias Montenegros, único elemento decorativo, transmitindo, assim, uma sobriedade de linhas que apenas lhe acrescenta grandiosidade, enquanto o alçado orientado a Norte exibe varanda suportada por pilares pétreos. Não obstante, o andar nobre - segundo piso - alberga tectos de madeira bem talhados atribuídos aos séculos XVII e XVIII
A completar o conjunto, surge a capela, consagrada a Santo António, no interior da qual se pode admirar um altar de talha.
[AMartins]

Imagens

Bibliografia

Título

Elementos para a história de Castelo de Paiva

Local

Coimbra

Data

1947

Autor(es)

PINHO, Margarida Rosa Moreira de