Saltar para o conteúdo principal da página

Seminário Maior de Coimbra, incluindo os três edifícios, os jardins e os muros envolventes - detalhe

Designação

Designação

Seminário Maior de Coimbra, incluindo os três edifícios, os jardins e os muros envolventes

Outras Designações / Pesquisas

Seminário Maior / Seminário de Jesus, Maria, José (Ver Ficha em www.monumentos.gov.pt)

Categoria / Tipologia

-

Inventário Temático

-

Localização

Divisão Administrativa

Coimbra / Coimbra / Coimbra (Sé Nova, Santa Cruz, Almedina e São Bartolomeu)

Endereço / Local

Rua Vandelli
Coimbra

Proteção

Situação Actual

Em Vias de Classificação

Categoria de Protecção

Em Vias de Classificação (com Despacho de Abertura)

Cronologia

Anúncio n.º 233/2015, DR, 2.ª série, n.º 196, de 7-10-2015 (ver Anúncio)
Despacho de abertura de 4-09-2015 do diretor-geral da DGPC
Proposta de 31-08-2015 da DRC do Centro para abertura do procedimento de classificação

ZEP

-

Zona "non aedificandi"

-

Abrangido por outra classificação

Património Mundial

-

Descrição Geral

Nota Histórico-Artistica

Imóvel
Situado na Rua Vandelli, em Coimbra, nas imediações do Hospital Militar e do Jardim-Escola João de Deus, o Seminário Maior da Sagrada Família é composto por um imponente conjunto que integra três edifícios independentes, a Casa Velha, ou edifício principal, construída entre 1748 e 1765, a Casa Nova, edificada em 1873, e a Casa Novíssima, erigida no ano de 1880. O complexo é precedido por jardim com fonte circular edificada frente à fachada principal, com curiosos passadiços de pedra que permitem passagem sobre a estrutura hidráulica. O recinto encontra-se envolvido por cerca, fechada por pórtico de cantaria com portão de ferro encimado pelas armas episcopais do Bispo Conde D. Manuel Correia Bastos Pina.
O edifício principal apresenta planta retangular composta por quatro corpos divididos em três pisos, que se dispõem em torno de um claustro interior. A fachada principal, de gosto barroco, apresenta modelo regular dividido em três panos pontuados pela abertura simétrica de janelas e pela disposição de dois torreões, com relógios na base, a meio dos corpos laterais. O volume central, que corresponde à entrada da igreja do seminário, é rasgado por portal rusticado com colunas, encimado por balcão de pedra e janela de sacada, sobre a qual se dispõe o brasão do bispo fundador, D. Miguel da Anunciação. O claustro interior é decorado com pinturas a fresco.
A igreja apresenta uma interessante planta octogonal, coberta por cúpula pintada com cenas da Assunção da Virgem. Sobre a entrada foi edificado o coro-alto, que alberga o órgão de tubos, e nas paredes laterais foram abertos nichos onde se expõe as imagens, em madeira, dos Quatro Doutores da Igreja (santos Agostinho, Ambrósio, Gregório e Jerónimo). A capela-mor, quadrada, apresenta quatro nichos com relíquias, exibindo duas tribunas de madeira. O teto deste espaço é pintado com a representação do Espírito Santo e dos Quatro Evangelistas.
Os dois edifícios construídos no século XIX erguem-se longitudinalmente em planta retangular, que embora sejam independentes se implantam de forma simétrica no terreiro que antecede o edifício principal, em cada um dos lados deste.
HistóriaO Seminário Maior de Coimbra foi mandado edificar em 1748 pelo Bispo Conde D. Miguel da Anunciação. O projeto foi desenhado por Frei João da Soledad, sendo a direção da obra entregue nessa data a Francesco Tamossi e, depois da morte deste em 1755, a Giacomo Azzolini. Nas obras da igreja participaram o pintor Pascoal Parente, que em 1760 pintou a cúpula, e o escultor Januário Vassalo, tendo o órgão de tubos sido executado por João Fontanes de Maqueixa.
O edifício principal estava terminado em 1758, data em que recebeu os primeiros alunos, tendo funcionado no século XIX como residência universitária. Entre 1873 e 1880 construíram-se a Casa Nova e a Casa Novíssima, respetivamente, sendo também nesta centúria que o jardim de buxo com a sua fonte circular rebaixada foi executado.
Catarina Oliveira
DGPC, 2016

Imagens

Bibliografia

Título

Coimbra e Região

Local

Lisboa

Data

1987

Autor(es)

BORGES, Nelson Correia