Saltar para o conteúdo principal da página

Pelourinho do Couto - detalhe

Designação

Designação

Pelourinho do Couto

Outras Designações / Pesquisas

Pelourinho de Couto / Pelourinho do Couto de Midões / Pelourinho de Coito de Midões (Ver Ficha em www.monumentos.gov.pt)

Categoria / Tipologia

-

Inventário Temático

-

Localização

Divisão Administrativa

Coimbra / Tábua / Midões

Endereço / Local

Rua do Pelourinho
Lugar do Couto

Proteção

Situação Actual

Classificado

Categoria de Protecção

Classificado como IIP - Imóvel de Interesse Público

Cronologia

Decreto n.º 23 122, DG, I Série, n.º 231, de 11-10-1933 (ver Decreto)

ZEP

-

Zona "non aedificandi"

-

Abrangido em ZEP ou ZP

Abrangido por outra classificação

Património Mundial

-

Descrição Geral

Nota Histórico-Artistica

Imóvel
Localizado na Rua do Pelourinho, no Couto, na localidade de Midões, o Pelourinho do Couto de Midões (ou Coito de Midões) é uma estrutura granítica de feição rústica, constituída por um fuste de secção quadrada, com esquinas chanfradas e sem qualquer remate, que assenta sobre um soco de três degraus quadrangulares que compensam o desnível do terreno. O pelourinho apresenta, ainda, vestígios da argola de sujeição.
Midões (designado na época medieval como Midães) integrou o couto do Mosteiro de Lorvão, havendo notícias documentais deste senhorio desde o século X. A toponímia do "Coito" deriva precisamente deste estatuto de terra coutada.
O Couto de Midões foi, assim, um pequeno concelho medieval que, nos alvores da época moderna, perdeu a sua "influência para a vizinha Vila de Midões, de tal forma que não viu reconfirmado o estatuto municipal com a atribuição de foral no âmbito da reforma manuelina", subsistindo apenas este pelourinho, de execução medieval, como símbolo do seu período áureo (Pinho: 2017, p. 62).
Em 1933, o Pelourinho do Couto de Midões era classificado como de interesse público, em conjunto com a maioria dos exemplares congéneres do país, atendendo à sua importância como memória da "antiga e característica organização social" do território português.
Catarina Oliveira
DGPC, 2019
(em colaboração com Luís Pedro Ferreira, Câmara Municipal de Tábua)

Imagens

Bibliografia

Título

Inventário Artístico de Portugal: distrito de Coimbra

Local

Lisboa

Data

1952

Autor(es)

GONCALVES, António Nogueira, CORREIA, Vergílio

Título

Freguesia de Midões - Uma história milenar (951-2017)

Local

Midões

Data

2017

Autor(es)

PINHO, João Carlos Santos

Título

Tábua: história, arte e memória

Local

Tábua

Data

2009

Autor(es)

DUARTE, Marco Daniel

Título

Pelourinhos do distrito de Coimbra

Local

Viseu

Data

2003

Autor(es)

SOUSA, Júlio Rocha e

Título

Pelourinhos tabuenses, in Arganilia. Revista cultural da Beira-Serra, 3.ª série, n.º 25, Dezembro de 2012, pp. 212-215

Local

Arganil

Data

2012

Autor(es)

MATA, Nuno