Saltar para o conteúdo principal da página

Solar situado na Rua Sacadura Cabral - detalhe

Designação

Designação

Solar situado na Rua Sacadura Cabral

Outras Designações / Pesquisas

Casa da família Barros e Aragão / Solar da Música Nova(Ver Ficha em www.monumentos.gov.pt)

Categoria / Tipologia

Arquitectura Civil / Solar

Inventário Temático

-

Localização

Divisão Administrativa

Faro / Loulé / Loulé (São Sebastião)

Endereço / Local

Rua Sacadura Cabral
Loulé

Número de Polícia: 22

Proteção

Situação Actual

Em Vias de Classificação

Categoria de Protecção

Em Vias de Classificação (Homologado como IM -...

Cronologia

Enviada cópia do processo pelo Ministério da Cultura à CM de Loulé em 11-05-2010 a fim de ponderar a conclusão do procedimento
Despacho de homologação de 27-03-1997 do Ministro da Cultura
Parecer de 11-03-1997 do Conselho Consultivo do IPPAR a propor a classificação como VC
Despacho de abertura de 27-06-1996 do vice-presidente do IPPAR
Proposta de abertura de 24-06-1996 da DR de Faro
Proposta de classificação de 20-03-1996 da CM de Loulé

ZEP

-

Zona "non aedificandi"

-

Abrangido em ZEP ou ZP

Abrangido por outra classificação

Património Mundial

-

Descrição Geral

Nota Histórico-Artistica

Este solar fica situado no topo da antiga Rua Ancha, actual Rua Sacadura Cabral, em Loulé. Nesta via, aberta depois do terramoto de 1755, residia a maior parte das famílias abastadas da localidade, que aí construíram as suas casas e palacetes. De acordo com inscrições existentes no vão da escada principal do imóvel, a sua construção terá decorrido entre 1806 e 1812. Embora se desconheça o primeiro proprietário, é sabido que foi residência de famílias ilustres de Loulé, entre as quais a do Capitão-mor Simão José de Azevedo e Silva Lobo, um dos vários oficiais que residiam na Rua Ancha.
O imóvel é semelhante a diversas outras habitações burguesas existentes em Loulé, com dois pisos, fachada simétrica com eixo marcado pela porta principal e janelão de sacada do piso nobre com elementos arquitectónicos distintivos, e largo vestíbulo de acesso ao vão da escada central, iluminado por dois óculos ovalados. Os vãos da fachada apresentam molduras e frontões de desenho erudito, com sacadas de ferro forjado. Destaca-se ainda uma típica chaminé algarvia, adossada ao corpo principal, e ligeiramente recuada.
De salientar a condição muito degradada do imóvel, que sofreu diversos acrescentos ilegais e está em estado de quase ruína, desmerecendo a sua qualidade estética, o inegável interesse que possui para a história local, e igualmente a sua antiga condição de centro de reunião dos mais ilustres nomes da vila.
Sílvia Leite / DIDA - IGESPAR, I.P. / 2010

Imagens

Bibliografia

Título

Monografia do Concelho de Loulé

Local

Porto

Data

1905

Autor(es)

OLIVEIRA, Francisco Xavier d'Ataíde

Título

Loulé. O património artístico

Local

Loulé

Data

2001

Autor(es)

CARRUSCA, Susana