Saltar para o conteúdo principal da página

Ponte da Panchorra e caminho em lajeado - detalhe

Designação

Designação

Ponte da Panchorra e caminho em lajeado

Outras Designações / Pesquisas

Ponte e Via Medieval em Panchorra (Ver Ficha em www.monumentos.gov.pt)

Categoria / Tipologia

Arquitectura Civil / Ponte

Inventário Temático

-

Localização

Divisão Administrativa

Viseu / Resende / Ovadas e Panchorra

Endereço / Local

- -
Panchorra

Proteção

Situação Actual

Classificado

Categoria de Protecção

Classificado como MIP - Monumento de Interesse Público

Cronologia

Portaria n.º 194/2013, DR, 2.ª série, n.º 69, de 9-04-2013 (ver Portaria)
Procedimento prorrogado até 30-06-2013 pelo Decreto-Lei n.º 265/2012, DR, 1.ª série, n.º 251, de 28-12-2012 (ver Diploma)
Anúncio n.º 13411/2012, DR, 2.ª série, n.º 178, de 13-09-2012 (ver Anúncio)
Parecer de 19-12-2012 da SPAA do Conselho Nacional de Cultura a propor a classificação como MIP
Procedimento prorrogado pelo Decreto-Lei n.º 115/2011, DR, 1.ª série, n.º 232, de 5-12-2011 (ver Diploma)
Nova proposta de 1-07-2011 da DRC do Norte para a classificação da Ponte e caminho como CIP
Procedimento prorrogado pelo Despacho n.º 19338/2010, DR, 2.ª série, n.º 252, de 30-12-2010 (ver Despacho)
Devolvido à DRC do Norte por despacho de 2-06-2010 do subdirector do IGESPAR, I.P., para aplicação do Decreto-Lei n.º 309/2009, DR, 1.ª série, N.º 206 de 23-10-2009 (ver Diploma)
Proposta de 14-05-2010 da DRC do Norte para atribuição da classificação de IP à Ponte da Panchorra e aos troços do caminho em lageado de que faz parte integrante
Despacho de abertura de 6-10-1998 do vice-presidente do IPPAR
Proposta de abertura de 30-09-1998 da DR do Porto
Proposta de 20-01-1997 da CM de Resende para a classificação da Ponta da Panchorra como IIP, após deliberação camarária de 6-01-1997

ZEP

Portaria n.º 194/2013, DR, 2.ª série, n.º 69, de 9-04-2013 (sem restrições) (ver Portaria)
Anúncio n.º 13411/2012, DR, 2.ª série, n.º 178, de 13-09-2012 (ver Anúncio)
Parecer favorável de 19-12-2012 da SPAA do Conselho Nacional de Cultura
Nova proposta de 1-07-2011 da DRC do Norte
Proposta de 14-05-2010 da DRC do Norte

Zona "non aedificandi"

-

Abrangido em ZEP ou ZP

Abrangido por outra classificação

Património Mundial

-

Descrição Geral

Nota Histórico-Artistica

Situada sobre o rio Cabrum, a ponte da Panchorra, na freguesia com o mesmo nome, é, ao que tudo indica, uma construção de época romana ou romano-medieval, pois fazia parte de uma via de comunicação desse período cuja calçada é prolongada pelo tabuleiro da ponte. Tal como acontece para muitos exemplos no território nacional, é difícil determinar se a ponte da Panchorra é a original ou uma reconstrução medieval. Em todo o caso, não deixa de constituir um testemunho da rede de estradas construída na Antiguidade Clássica, que reflecte uma visão abrangente sobre o território e a sua consequente monumentalização.
O itinerário em que se insere a ponte é o que ligava Braga a Mérida, sendo que o percurso partia de Tongóbriga ao Douro. Note-se que a região de Resende era atravessada por vários rios, o que implicou a construção de várias pontes que mais facilmente permitissem a passagem.
A de Panchorra caracteriza-se por dois arcos de volta perfeita (o grande legado das construções romanas), definidos por blocos de cantaria aparelhados, que contrastam com o paramento da ponte, mais irregular. A guarda é também ela em cantaria, com blocos de maiores dimensões e sensivelmente regulares.
(RC)

Imagens