Saltar para o conteúdo principal da página

Abrigo do Lagar Velho - detalhe

Designação

Designação

Abrigo do Lagar Velho

Outras Designações / Pesquisas

Categoria / Tipologia

Arqueologia / Abrigo

Inventário Temático

-

Localização

Divisão Administrativa

Leiria / Leiria / Santa Eufémia e Boa Vista

Endereço / Local

-- na margem esquerda da ribeira da Caranguejeira, Vale do Lapedo
-

Proteção

Situação Actual

Classificado

Categoria de Protecção

Classificado como MN - Monumento Nacional

Cronologia

Decreto n.º 17/2013, DR, 1.ª série, n.º 119, de 24-06-2013 (toda a área classificada é considerada ZNA) (ver Decreto)
Declaração de retificação n.º 79/2013, DR, 2.ª série , n.º 14, de 21-01-2013 (ver Declaração)
Procedimento prorrogado até 30-06-2013 pelo Decreto-Lei n.º 265/2012, DR, 1.ª série, n.º 251, de 28-12-2012 (ver Diploma)
Anúncio n.º 13723/2012, DR, 2.ª série, n.º 224, de 20-11-2012 (ver Anúncio)
Parecer de 22-10-2012 da SPAA do Conselho Nacional de Cultura a propor nova delimitação
Devolvido em 14-05-2012 à DRC do Centro para propor as restrições a aplicar ao sítio
Procedimento prorrogado pelo Decreto-Lei n.º 115/2011, DR, 1.ª série, n.º 232, de 5-12-2011 (ver Diploma)
Procedimento prorrogado pelo Despacho n.º 19338/2010, DR, 2.ª série, n.º 252, de 30-12-2010 (ver Despacho)
Despacho de homologação de 29-05-2003 do Ministro da Cultura
Parecer de 7-05-2003 do Conselho Consultivo do IPPAR a propor a classificação como MN
Despacho de abertura de 4-06-1999 do vice-presidente do IPPAR
Proposta de abertura de 20-05-1999 do IPA

ZEP

Portaria n.º 630/2013, DR, 2.ª série, n.º 182, de 20-09-2013 (com restrição da área de arqueologia) (ver Portaria)
Declaração de retificação n.º 79/2013, DR, 2.ª série , n.º 14, de 21-01-2013 (ver Declaração)
Anúncio n.º 13723/2012, DR, 2.ª série, n.º 224, de 20-11-2012 (ver Anúncio)
Parecer de 22-10-2012 da SPAA do Conselho Nacional de Cultura a propor a ZEP a fixar
Proposta de 13-08-2012 da DRC do Centro para não ser fixada qualquer ZEP, de acordo com a possibilidade prevista no art.º 55.º do Decreto-Lei n.º 309/2009, DR, 1.ª série, N.º 206 de 23-10-2009 (ver Diploma)

Zona "non aedificandi"

-

Abrangido em ZEP ou ZP

Abrangido por outra classificação

Património Mundial

-

Descrição Geral

Nota Histórico-Artistica

Sítio
Situado no lugar do Lapedo, na margem esquerda da Ribeira da Caranguejeira, o Abrigo do Lagar Velho é um sítio arqueológico de inegável valor nacional e internacional, enquadrando-se num vale que, pela sua original morfologia cársica, pode, ao mesmo tempo, considerar-se um geomonumento caracterizado por uma vegetação arbórea parcialmente intrusiva, mas que comporta espécies próprias das zonas calcárias. Em termos arqueológicos, o sítio é conhecido por integrar uma sequência estratigráfica representativa de boa parte das ocupações humanas do Paleolítico Superior da região, entre cerca de 30.000 e 20.000 anos, reunindo em vários níveis vestígios de indústrias líticas associadas a elementos faunísticos e a restos resultantes de atividades de combustão. Destaca-se, porém, a descoberta de uma sepultura infantil que data de há 29000 anos - identificada num dos níveis de ocupação mais antigos - a qual não apenas representa a única sepultura humana do Paleolítico Superior conhecida em toda a Península Ibérica, como se integra num vasto conjunto de enterramentos do período Gravetense que se estende da Ibéria aos Urais, testemunhando a partilha de um conjunto expressivo de práticas funerárias por parte de comunidades humanas que, em tempos muito remotos, ocuparam essa vasta região. A criança enterrada no Vale do Lapedo apresenta características que destacam ainda mais a importância da sua descoberta. De acordo com a equipa internacional de especialistas que procedeu ao seu estudo, o esqueleto apresenta características esqueléticas que, muito embora o integrassem entre os humanos anatomicamente modernos - Homo Sapiens sapiens - o aproximavam também do Homem de Neandertal, sugerindo a ocorrência de hibridismo entre ambas as populações. Este facto apoiaria a hipótese de assimilação dos Neandertais pelos Humanos Anatomicamente Modernos no contexto do espaço geográfico euro-asiático, hipótese que viria a confirmar-se com a sequenciação do genoma Neandertal. Hoje é já consensual que os Neandertais contribuíram para o genoma das populações atuais da Europa.
Para além do contexto sepulcral, o Lagar Velho documenta ainda outras ocupações arqueológicas acumuladas durante o Paleolítico Superior, entre c. 27000 e c. 24000 anos, testemunhando a estadia temporária e repetida de grupos de caçadores-recolectores que aproveitaram o espaço para se abrigarem e desenvolverem atividades do seu quotidiano como a caça, o fabrico de instrumental lítico e o tratamento das carcaças animais.

História
O Abrigo do Lagar Velho foi identificado a 28 de novembro de 1998 por Pedro Souto e João Maurício, membros da "Sociedade Torrejana de Espeleologia e Arqueologia" (STEA). Na prospeção que efetuaram, nomeadamente numa reentrância da parede do fundo do abrigo, reconheceram alguns restos osteológicos possivelmente humanos tendo de imediato esta descoberta sido comunicada ao então Instituto Português de Arqueologia.
Refira-se que antes, em 1994, o local tinha sido parcialmente destruído por meios mecânicos truncando assim parte da informação arqueológica.
A primeira escavação arqueológica do sítio foi realizada entre finais de dezembro de 1998 e janeiro de 1999 sendo dirigida por João Zilhão e Cidália Duarte. Após a sua descoberta, e até aos dias de hoje, a importância do local continua a motivar um grande número de estudos, reunindo investigadores de todo o mundo.

Ana Cristina Araújo/Francisco Almeida/Maria Ramalho/DGPC/2019.

Imagens

Bibliografia

Título

Anatomically archaic, behaviorally modern: The last Neanderthals and their destiny, Anatomically Archaic, Behaviorally Modern: The Last Neanderthals and Their Destiny

Local

Amesterdam

Data

2001

Autor(es)

ZILHÃO, João

Título

Fate of the Neanderthals, Archaeology

Local

New York

Data

2000

Autor(es)

ZILHÃO, João

Título

Portait of the artist as a child

Local

Lisboa

Data

2002

Autor(es)

-

Título

O Menino do Lapedo: uma sepultura infantil do paleolítico superior inicial, Actas das 3ªs Jornadas Culturais

Local

Leiria

Data

1999

Autor(es)

ZILHÃO, João

Título

Troubling the Neandertals. A reply to Langbroek's 'The trouble with Neandertals', Archaeological Dialogues

Local

Leiden

Data

2001

Autor(es)

ZILHÃO, João, TRINKAUS, E.

Título

The Lagar Velho child and the fate of the Neanderthals, Athena Review

Local

Westport

Data

2001

Autor(es)

ZILHÃO, João

Título

O Menino do Lapedo: Lagar Velho 1 and perceptions of the Neandertals, Archaeological Dialogues

Local

Leiden

Data

2001

Autor(es)

ZILHÃO, João, DUARTE, Cidália Maria Pereira, TRINKAUS, E.

Título

The Lapedo Child: Lagar Velho 1 and our Perceptions of the Neandertals, Mediterranean Prehistory Online

Local

-

Data

1999

Autor(es)

ZILHÃO, João, DUARTE, Cidália Maria Pereira, TRINKAUS, E.

Título

The early upper paleolithic human skeleton from the Abrigo do Lagar Velho (Portugal) and modern human emergence in Iberia, Proceedings of the Nacional Academy of Sciences

Local

Washington

Data

1999

Autor(es)

ZILHÃO, João, DUARTE, Cidália Maria Pereira, MAURÍCIO, João, SOUTO, Pedro, TRINKAUS, E., PETTIT, P. B., VAN DER PLICHT, H.

Título

Les premiers hommes modernes de la Péninsule Ibérique. Actes du Colloque de la Commission VIII de l'UISPP

Local

Lisboa

Data

2001

Autor(es)

ZILHÃO, João, CARVALHO, António Manuel Faustino, AUBRY, Thierry Jean