Saltar para o conteúdo principal da página

Lugar das Pedrinhas - detalhe

Designação

Designação

Lugar das Pedrinhas

Outras Designações / Pesquisas

Pedrinhas

Categoria / Tipologia

-

Inventário Temático

-

Localização

Divisão Administrativa

Braga / Esposende / Apúlia e Fão

Endereço / Local

-

Proteção

Situação Actual

Procedimento encerrado / arquivado - sem protecção legal

Categoria de Protecção

Não aplicável

Cronologia

Remetida cópia do processo à CM de Esposende em 13-04-2011
Despacho de arquivamento de 24-01-2011 do Subdirector do IGESPAR, I.P.
Proposta de 23-12-2010 da DRCNorte para o arquivamento do procedimento, por não ter valor nacional, e o envio do processo à CM de Esposende para eventual classificação como de IM
Proposta de classificação de 20-09-2010, apresentada por 40 arquitectos

ZEP

-

Zona "non aedificandi"

-

Abrangido em ZEP ou ZP

Abrangido por outra classificação

Património Mundial

-

Descrição Geral

Nota Histórico-Artistica

O Lugar das Pedrinhas é um conjunto de construções, localizado junto à praia da Apúlia, que originalmente serviam para guardar embarcações e armazenar alfaias agrícolas e material de recolha de sargaço, ao mesmo tempo que eram um local de repouso temporário dos pescadores.
Construídas em linha paralela ao mar, dispostas sequencialmente, implantam-se sobre a zona de dunas, o baldio dos Sargaceiros.
Originalmente «existiam dois tipos de edifícios, os volumes isolados, com uma forma peculiar arredondada, que tudo indica corresponde à forma mais antiga ali existente, e os corpos rectangulares, que estavam interiormente subdivididos em vários espaços mas que se destinavam ao mesmo uso que os outros.» (Memória descritva do processo de classificação, 2010).
Desconhece-se a data original de construção destes edifícios, sendo que a referência documental mais antiga que lhe é feita consta do Aforamento de 1877.
A maior parte destes pequenos edifícios utilitários mantém, hoje em dia, a sua função original, sendo que quase todos foram transformados em casas de férias. As muitas transformações feitas ao longo dos anos nos edifícios das Pedrinhas - decorrentes de utilização de outros materiais que não os originais, fachadas rebocadas, introdução de janelas e portas onde não existiam, chaminés e antenas, alteração de cércea - descaracterizaram em muito a sua expressão e características primitivas.
Catarina Oliveira
DIDA/ IGESPAR, I.P./ Fevereiro de 2011

Imagens

Bibliografia

Título

Arquitectura Popular em Portugal

Local

Lisboa

Data

2004

Autor(es)

AA. VV.

Título

Arquitectura Tradicional Portuguesa

Local

Lisboa

Data

2003

Autor(es)

OLIVEIRA, Ernesto Veiga de, GALHANO, Fernando

Título

Construções Circulares no Litoral Português: Contribuição para o Estudo das Construções Circulares do Noroeste da Península Ibérica

Local

Porto

Data

1946

Autor(es)

DIAS, Jorge