Saltar para o conteúdo principal da página

Apresentações 11/07/2018

Apresentação da futura sede do CNANS à comunicação social

No passado dia 6 de julho, foi apresentada publicamente à Comunicação Social a primeira sede própria e definitiva do Centro Nacional de Arqueologia Náutica e Subaquática - CNANS, em Xabregas, no armazém da antiga fábrica de Tabaco.

Esta visita foi conduzida pelo subdiretor-geral da DGPC responsável pela adaptação do espaço, arquitecto João Carlos dos Santos, na presença do Ministro da Cultura, Luís Filipe de Castro Mendes, e da diretora-geral do Património Cultural, arquitecta Paula Silva. 

A construção de uma sede própria para a Arqueologia Náutica e Subaquática concretiza uma justa aspiração do sector, reclamada há mais de uma década, e que permitirá aos profissionais envolvidos desenvolver a sua actividade nas melhores condições técnicas e laboratoriais.

Pela primeira vez, este campo disciplinar vai ser dotado de instalações condignas, projectadas para acolher a especificidade do seu trabalho. A obra foi iniciada no passado mês de Fevereiro.

Recorde-se que o CNANS tem à sua guarda mais de 14 mil peças arqueológicas, ou seja, um verdadeiro tesouro nacional. O novo centro em Xabregas vai projectar internacionalmente a arqueologia náutica e subaquática em Portugal, não apenas pela notoriedade da investigação desenvolvida mas, também, pela modernidade e pela dignidade dos meios a ela alocados.