Saltar para o conteúdo principal da página

Museu Municipal de Penafiel

As coleções do Museu Municipal de Penafiel, começadas a reunir no final de oitocentos, contemplam, sobretudo, a arqueologia, a etnografia e a história local. Destaca-se o documento da fundação de S. Pedro da Lardosa datado de 882 e a denominada Colcha Municipal, peça têxtil de origem indo-portuguesa, datada do século XVIII, em seda bordada a ouro.

O Museu Municipal de Penafiel foi constituído em 1948, junto da Biblioteca, no Palacete do Barão do Calvário, graças à ação e persistência de Abílio Miranda, seu primeiro diretor.

Atualmente instalado no palacete setecentista dos Pereira do Lago, o Museu beneficia de uma ampla área de exposição e serviços que permite a apresentação de cinco salas temáticas da Exposição Permanente dedicadas à Identidade, ao Território, à Arqueologia, aos Ofícios e à Terra e Água, onde se privilegiou um discurso expositivo claro e moderno, apoiado em diferentes níveis de informação destinados a diversos públicos e com recurso a numerosos e inovadores suportes multimédia, onde a interação, a pedagogia e o divertimento são a linha de força.

Enquanto museu polinucleado, dispõe atualmente de 4 núcleos: o Castro de Monte Mozinho, o Moinho da Ponte de Novelas, o Engenho de Sebolido e a Aldeia de Quintandona.

 

Núcleos

Castro de Monte Mozinho

Povoado castrejo de época romana, fundado no século I d.C. mas com uma ampla cronologia de ocupação, que chega mesmo a atingir o século V. É fortificado com duas linhas de muralhas.

Moinho da Ponte de Novelas

Unidade moageira recuperada que o visitante poderá ver em funcionamento

Engenho de Sebolido

Consiste num engenho de feixe de varas, com pio de galga de tração animal destinado à produção de azeite

Aldeia de Quintandona

Inclui a casa rural tradicional integrada no modelo comum à região designado por «casa-pátio», caracterizado pela disposição do espaço em torno de um pátio interior aberto.

Conteúdos editados pela DGPC/DMCC

Contactos e
Localização

Tutela:
Câmara Municipal de Penafiel
Director(a):
Maria José M. C. Ferreira dos Santos
Endereço:
Rua do Paço, s/n - 4560-485 Penafiel
GPS:
Lat: 41,2068707 Long: -8,282909399999994
Telf(s):
+ 351 255 712 760
Fax(s):
+ 351 255 711 066
E-mail:
museu.penafiel@cm-penafiel.pt
Site:
http://www.museudepenafiel.com/

Comboios: Linha do Douro, complementado por autocarro.
Autocarros urbanos: Empresas Valpi, Rodonorte, Asadouro.

Estacionamento: Parque de estacionamento subterrâneo - pago.

De terça-feira a domingo -  das 10h00 às 18h00.

Encerra à segunda-feira e nos dias 1 de janeiro, domingo de Páscoa, 1 de maio e 25 de dezembro.

Ingresso

Núcleo sede: 2,00 €

Extensões: gratuito

Visitas guiadas e ateliers:

. Grupos organizados até 40 elementos: 30€/grupo

. Grupos organziados superiores a 40 elementos até ao máximo de 80 pessoas por grupo: 50€/grupo

.Ateliers temáticos de exploração pedagógica: 2€/pessoa

Aniversários

. Festa de aniversário s/ lanche: 2€/pessoa

. Festa de aniversário com cedência de sala s/ lanche: 3€/pessoa

. Festa de aniversário c/ lanche fornecido pelo Museu: 6€/pessoa

. Estão isentos de pagamento de taxas o/a aniversariante e os acompanhantes do grupo, até ao máximo de 4 adultos

As taxas das visitas guiadas e dos ateliers temáticos são também aplicáveis aos núcleos do Moinho da Ponte de Novelas ao Castro de Monte Mozinho ao Engenho de Sebolido e ao da Aldeia de Quintandona.

Todos os preços incluem o IVA à taxa legal em vigor.

Todas as actividades estão sujeitas a marcação prévia.

Isenções:

Ingresso gratuito aos domingos
Ingresso gratuito para grupos escolares em contexto lectivo e durante o período escolar, de segunda a sexta-feira , menores de 14 anos, funcionários do Município de Penafiel, associados da Associação de Amigos do Museu, associados da APOM, do ICOM e do ICOMUS, técnicos dos Museus integrados na RPM e técnicos da DGPC, todos mediante identificação.

Descontos:

Para estudantes, maiores de 65 anos, portadores de deficiência e acompanhante, e grupos organizados superiores a 20 elementos: 1 € (IVA incluído à taxa legal em vigor).

Loja

Auditório

Centro de Documentação e Divulgação / Biblioteca (História local, periódicos - responsável: Manuel Ribeiro);

Exposição permanente: História local, arqueologia e etnografia

Atividades realizadas: Visitas guiadas à exposição permanente e às exposições temporárias, dinamizadas de acordo com a faixa etária e os interesses específicos do grupo. Atividades lúdicas e de experimentação organizadas por faixa etária para cada uma das salas de exposição. Realizam-se ainda visitas guiadas e atividades orientadas em cada um dos núcleos dependentes, no centro histórico da cidade de Penafiel e itinerários patrimoniais do concelho. Realizam-se também Festas de Aniversário para crianças entre os 5 e os 14 anos. Para além das atividades programadas é possível organizar outras ações, desde que previamente solicitadas. As atividades decorrem por marcação prévia.

Responsável: Rosário Marques

Série Catálogos:• AGUIAR, Manuel Casal (2010) – Vislumbre de verdade. Catálogo da exposição. Penafiel: Museu Municipal.• PROVIDÊNCIA, Francisco [et al.] (2010) – Catálogo fotográfico do Museu Municipal de Penafiel. Penafiel: Museu Municipal.  Série Roteiros do Museu:• ALMEIDA, Carlos A. Brochado de [et. al.] (2008) – Caminhos Antigos e de Peregrinação em Penafiel. Penafiel: Museu Municipal.• SANTOS, Maria José Ferreira dos [et al.] (2008) – Igreja de S. Pedro de Abragão: redescobrir um templo românico. Penafiel: Museu Municipal.• SOEIRO, Teresa (2000) – O ocaso das moagens do rio Sousa no Município de Penafiel. Penafiel: Museu Municipal.• SOEIRO, Teresa (2005) – Monte Mozinho: sítio arqueológico. Penafiel: Museu Municipal. Série Cadernos do Museu:• CARVALHO, Teresa Pires de (1998) – “A Terra Sigillata de Monte Mozinho”. Cadernos do Museu, n.º 3. Homenagem a Carlos Alberto Ferreira de Almeida – II. Penafiel: Museu Municipal.• CARVALHO, Teresa Pires de (coord.) (2005) – "Castro - um lugar para habitar: colóquio". Cadernos do Museu, n.º 11. Série Arqueologia. Penafiel: Museu Municipal.• NOBREGA, Artur Vaz-Osório da (1999) – “Pedras de Armas da cidade de Penafiel”. Cadernos do Museu, n.º 5. Série Heráldica & Genealogia. Penafiel: Museu Municipal.• SANTOS, Maria José Ferreira dos [et al.] (2005) – “Município de Penafiel: uma longa história”. Cadernos do Museu, n.º 10. Série História Local. Penafiel: Museu Municipal.• SOEIRO, Teresa (1998) – “O sítio romano da Bouça do Ouro, Boelhe – Penafiel”. Cadernos do Museu, n.º 4. Homenagem a Carlos Alberto Ferreira de Almeida – III. Penafiel: Museu Municipal.• SOEIRO, Teresa (coord.) (1998) – “Monte Mozinho 25 anos de trabalhos arqueológicos”. Cadernos do Museu, n.º 2. Homenagem a Carlos Alberto Ferreira de Almeida – I. Penafiel: Museu Municipal.• SOEIRO, Teresa (coord.) (2000/2001) – “Dias festivos. O Corpo de Deus em Penafiel”. Cadernos do Museu, n.º 6/7. Série Festividades. Penafiel: Museu Municipal.• SOEIRO, Teresa [et al.] (2003-2004) – “Pauzeiros, tamanqueiros, sapateiros e ofícios correlativos”. Cadernos do Museu, n.º 8/9. Série Ofícios & Indústrias. Penafiel: Museu Municipal.• SOEIRO, Teresa [et al.] (2009-2010) – “Monteiras (Bustelo). Uma necrópole com dois mil anos”. Cadernos do Museu, n.º 12/13. Série Arqueologia. Penafiel: Museu Municipal.

Série Estudos & Documentos:• FUNDO, António José Pinto do (2010) – Elites e finanças: o concelho de Penafiel na reforma liberal (1834-1851). Série Estudos e Documentos – 3. Penafiel: Museu Municipal.• MEIRELES, Fr. António da Assunção (2007) - Memórias do Mosteiro de S. Miguel de Bustelo (1800-1801). Introdução, fixação do texto e índice por Fr. Geraldo J. A. Coelho Dias. Série Estudos e Documentos – 2. Penafiel: Museu Municipal.• SANTOS, Geralda Maria Marques Ferreira dos (2000) – População e Economia da Cidade de Penafiel nos finais do Antigo Regime - 1785-1807. Série Estudos e Documentos – 1. Penafiel: Museu Municipal.

Outras edições e co-edições:• SOEIRO, Teresa (2013) – A Rua do Burgo de Entre-os-Rios. Penafiel: Museu Municipal de Penafiel e Edições Cão Menor.• SARDINHA, José Alberto (2012) – Danças populares do Corpus Christi de Penafiel. Vila Verde: Tradisom.• TÁVORA, José Bernardo (coord.) (2009) – Museu Municipal de Penafiel: Projecto e obra 2009. Penafiel: Câmara Municipal".

Actualizado em 18 de junho de 2014, informação fornecida pelo museu em 5 de Dezembro de 2013

Última actualização: 23 Outubro 2018

Rede Portuguesa de Museus

A Rede Portuguesa de Museus (RPM) é um sistema organizado de museus, baseado na adesão voluntária, configurado de forma progressiva e que visa a descentralização, a mediação, a qualificação e a cooperação entre museus.

A Rede Portuguesa de Museus é composta pelos 151 museus que atualmente a integram. A riqueza do seu universo reside na diversidade de tutelas, de coleções, de espaços e instalações, de atividades educativas e culturais, de modelos de relação com as comunidades e de sistemas de gestão.

+ Monumentos e Museus DGPC