Saltar para o conteúdo principal da página

Museu do Ar

No Museu do Ar estão expostos aviões, helicópteros, simuladores, motores, hélices e outros equipamentos aeronáuticos. A exposição transporta o visitante numa viagem de mais de 100 anos pela História da Aviação em Portugal, documentando a grande aventura da Humanidade: Voar. É dado um destaque aos voos feitos por Sacadura Cabral, Gago Coutinho, Sarmento de Beires, Brito Pais, Humberto da Cruz e Carlos Bleck. Da coleção de aviões históricos destacam-se o Junker JU52 (1930), o Avro Cadet (1931), o DH-87 Hornet (1934), o DH-89 Dragon Rapide (1934), o Spitfire (1934), o DC-3 Dakota (1935), o F-86 Sabre (1947). O Museu do Ar apresenta também a história da TAP – Transportes Aéreos Portugueses, destacando-se o primeiro simulador de voo por instrumentos, fardamento e louça utilizada a bordo.

A ideia da criação de um museu da Aviação Portuguesa remonta a 1909, ano do primeiro voo em Portugal. Por iniciativa de ilustres pioneiros da Aviação Portuguesa, como Gago Coutinho, Carlos Beja, Pinheiro Correia, Carlos Bleck e o Coronel Ribeiro de Almeida, o projeto foi ganhando corpo, até à criação do museu em 1968. No dia 1 de julho de 1969, Dia da Força Aérea Portuguesa, o Museu do Ar era oficialmente inaugurado abrindo ao público em 1971.

A área expositiva do Museu do Ar está dividida em 8 zonas: loja, hangar principal, sala dos Transportes Aéreos Portugueses (TAP); sala Aeroportos e Navegação Aérea (ANA); Hangares Históricos e Sala dos Pioneiros. A exposição abarca o período do início da aviação em Portugal, fazendo o trajeto desde Bartolomeu de Gusmão, no século XVIII, até finais do século XX.

O Museu do Ar tem um acervo valioso, composto por mais de 10.000 peças, repartido por três locais visitáveis: Granja do Marquês, Sintra (junto da Base Aérea nº 1), Alverca (Largo dos Pioneiros da Aviação) e Ovar (no Aeródromo de Manobra nº 1).

Pólos Visitáveis

Alverca

Ovar

Conteúdos editados pela DGPC/DMCC

Contactos e
Localização

Tutela:
Força Aérea Portuguesa
Director(a):
Diretor: Coronel Rui Alberto Bento Roque / Conservador: Tenente Luisa Abreu
Endereço:
Museu do Ar, Granja do Marquês - 2715-021 Pêro Pinheiro, Sintra
GPS:
Lat: 38,8371433 Long: -9,341981499999974
Telf(s):
+ 351 219 678 984
Fax(s):
+ 351 219 678 938
E-mail:
museudoar@emfa.pt
Site:
http://www.emfa.pt/www/po/musar

Museu do Ar, Sintra:

Terça a domingo das 10h00 às 17h00.

Entre 1 de junho e 15 de setembro o Museu está aberto ao sábado e domingo até às 18h.

Encerra à segunda, véspera e dia de Natal, dia de Ano Novo e domingo de Páscoa.

Pólo de Alverca: 

Aberto às segundas das 10h00 às 17h00.

Pólo de Ovar:

Segunda a sexta das 10h00 às 12h00 e das 14h00 às 16h30.

Ingresso

Adultos - 3,00 €

Isenções:

Entrada gratuita a menores de 6 anos.

Descontos:

Seniores (maiores de 65) - 1,50 €
Estudantes e menores de 18 anos - 1,00 €

Exposição permanente

Visitas guiadas a grupos com marcação prévia

Loja

Biblioteca - Especialização: História Aeronáutica

Actualizado em: 27 de março de 2014.

Parte da informação fornecida pelo museu em fev. 2014

Última actualização: 25 Junho 2018

Rede Portuguesa de Museus

A Rede Portuguesa de Museus (RPM) é um sistema organizado de museus, baseado na adesão voluntária, configurado de forma progressiva e que visa a descentralização, a mediação, a qualificação e a cooperação entre museus.

A Rede Portuguesa de Museus é composta pelos 146 museus que atualmente a integram. A riqueza do seu universo reside na diversidade de tutelas, de coleções, de espaços e instalações, de atividades educativas e culturais, de modelos de relação com as comunidades e de sistemas de gestão.

+ Monumentos e Museus DGPC