Saltar para o conteúdo principal da página

Museu de Vila do Conde

Casa de José Régio Para além da estrutura da casa bem como a sua exposição serem marcas visíveis da personalidade do poeta, fundamentais a quem pretender estudos sobre José Régio, do acervo deste espaço faz parte todo o fundo de manuscritos, provas tipográficas, correspondência, e a biblioteca de José Régio integram ainda o acervo a valiosa coleção de pintura contemporânea, com obras de Alvarez, Barrias, Júlio, entre outros, e ainda a importante coleção de Ex-votos. Núcleo Museológico das Rendas de Bilros Detém uma coleção de Rendas, piques, bilros, almofadas entre outras alfaias necessárias para esta atividade de inegável valor patrimonial local e mesmo nacional. Alfândega Régia – Núcleo Museológico da Construção Naval No Centro de Documentação Quinhentista encontram-se, em suporte digital, todos os documentos de interesse para o estudo da História e evolução da Alfândega Régia de Vila do Conde. Para além da vertente do estudo da Alfândega, este Núcleo dedica-se também à preservação da memória da Construção Naval em Madeira. Esta coleção é constituída por ferramentas, miniaturas de embarcações, documentos vário e fotografias desta atividade ao longo de todo o século XX. Acresce ainda a coleção do Museu do Mar transferida para a Autarquia em 1999. Este acervo é constituído por artes de pesca, todo o tipo de instrumentos de bordo, vestuário, documentos de bordo e uma larga bibliografia, para além de diversas embarcações em tamanho real. Este fundo é composto por cerca de dois milhares de peças.

No ano de 1975 são dados os primeiros passos no sentido de se criar a estrutura museológica concelhia. A 17 de Setembro desse ano abre ao público a Casa de José Régio. Este espaço, dedicado a imortalizar a memória de um dos maiores vultos da literatura portuguesa do século XX, mantém-se até hoje de acordo com a disposição expositiva que o poeta deixou, não sofrendo alterações a nível museográfico. Perspectivando-se o Museu de Vila do Conde como estrutura de salvaguarda das tradições e do património móvel deste concelho, abre ao público em 1991 o Núcleo Museológico das Rendas de Bilros de Vila do Conde. Esta estrutura estuda a tradição das Rendas de Bilros em Vila do Conde, no país e no Mundo, mas para além disto procura novas soluções para alargar as possibilidades de escoamento das Rendas de Bilros, potenciando uma maior produção, movimento que garantirá o futuro desta técnica artesanal, um dos principais ex-libris de Vila do Conde. O desenvolvimento da noção de que os Museus poderiam funcionar como polos de atracão turística e simultaneamente serem elementos estruturais para a renovação do Centro Histórico da Cidade faz com que os Museus Vila-condenses se vão localizar em edifícios recuperados, tais como a Alfândega Régia de Vila do Conde, construção do reinado de D. João II, ou mesmo solares existentes na cidade. É contudo a complexidade do serviço que os museus devem prestar que nos leva hoje a preparar um projeto que visa a criação de uma estrutura central, adequada e moderna com todo o tipo de infraestruturas para o Museu Municipal de Vila do Conde.

Núcleos – Informações

Casa de José Régio - Av. José Régio 4480-671 Vila do Conde Tel.: + 351 252 63 15 32; Fax + 351 252 24 84 70 Terça-feira a domingo, das 10h00 às 18h00. Entrada gratuita.

Museu das Rendas de Bilros - Rua de S. Bento, 70 4480-782 Vila do Conde Tel.:/Fax: + 351 252 24 84 70 Terça-feira a domingo, das 10h00 às 18h00. Entrada gratuita

Alfândega Régia/ Museu da Construção Naval - Rua do Cais da Alfândega 4480-702 Vila do Conde Tel.: +351 252 24 07 40 Fax +351 252 24 84 70 Terça-feira a domingo 10h00–18h00. Entrada gratuita

Conteúdos da responsabilidade do museu e editados pela DGPC

Contactos e
Localização

Tutela:
Câmara Municipal de Vila do Conde
Director(a):
Paulo Costa Pinto
Endereço:
Centro de Memória, Largo S. Sebastião n.º 14 - 4480-706 Vila do Conde
GPS:
Lat: 41,35740879999999 Long: -8,741965899999968
Telf(s):
252 248 400
Fax(s):
252 248 470
E-mail:
museus@cm-viladoconde.pt
Site:
http://www.cm-viladoconde.pt/

Autocarros urbanos: Arriva, Viagens Linhares, Auto Viação do Minho, Avic, Resende
Metro: Estações: Vila do Conde, N.ª Sr.ª da Lapa e Estádio

Estacionamento: Os diferentes núcleo que constituem o Museu de Vila do Conde, dispõem de estacionamento na área envolvente

Acessibilidade: A Alfândega Régia/Museu de Construção Naval e o Museu das Rendas de Bilros apresentam um conjunto de acessibilidades que permitem a visita de pessoas portadoras de deficiências aos espaços expositivos. A Casa de José Régio, devido às suas características estruturais, não tolera a instalação de equipamentos que visem o melhoramento das condições de acesso ao tipo de público em questão.

De terça-feira a domingo - das 10h00 às 18h00.

Encerrado ao público à 2ª Feira e feriados.

Ingresso

Entrada gratuita

Acolhimento

Loja

Cafetaria

Exposição permanente

   . Museu das Rendas de Bilros – RENDAS DE ONTEM E HOJE – OS NOVOS CAMINHOS DA TRADIÇÃO

   . Alfândega Régia/ Museu da Construção Naval - VILA DO CONDE - UM PORTO ABERTO MUNDO

   . Casa de José Régio - EXPOSIÇÃO DE UM HOMEM

Atividades: visitas guiadas, projecção de diaporamas e ilustração de histórias com diapositivos, maletas pedagógicas, actividades lúdicas que visam a interiorizarão dos conceitos apresentados nas diversas exposições e guias de visita infantil.

Tel. + 351 252 248 470

• José Régio, Sonhos de uma Véspera de Exame, CMVC, 1989 • José Régio, Primeiros Versos – Primeiras Prosas, CMVC, 1994 (esg.) • José Régio, Novos Poemas de Deus e do Diabo, CMVC, 1994 • José Régio, Romance de Vila do Conde, CMVC, 2001 • Edição de Serigrafias, CMVC, 2001 • Uma visita a ... – Desdobrável da casa de José Régio • Vários, Rendas de Bilros de Vila do Conde, CMVC, 1994(?) • Rendas de Bilros de Vila do Conde – Desdobrável do Museu, 1995 • Conhecer o Passado – Preparar o Futuro – Desdobrável do Museu, 2000 • Conhecer o Passado – Preparar o Futuro – Guia de Visita Infanto-Juvenil, 2000 • Alfândega Régia/Museu da Construção Naval – Desdobrável da Inauguração, CMVC, Junho - 2001 • Alfândega Régia/Museu da Construção Naval – Desdobrável da Exposição, CMVC, Dezembro - 2001 • CD-Rom – Alfândega Régia/Museu da Construção Naval, CMVC, 2002.

Actualizado em____ de junho de 2014, informação fornecida a partir do site do IMC 

Última actualização: 16 Maio 2017

Rede Portuguesa de Museus

A Rede Portuguesa de Museus (RPM) é um sistema organizado de museus, baseado na adesão voluntária, configurado de forma progressiva e que visa a descentralização, a mediação, a qualificação e a cooperação entre museus.

A Rede Portuguesa de Museus é composta pelos 146 museus que atualmente a integram. A riqueza do seu universo reside na diversidade de tutelas, de coleções, de espaços e instalações, de atividades educativas e culturais, de modelos de relação com as comunidades e de sistemas de gestão.

+ Monumentos e Museus DGPC