Saltar para o conteúdo principal da página

Museu Nacional de História Natural e da Ciência

O Museu Nacional de História Natural e da Ciência (MUHNAC) é um espaço de educação, ciência e cultura, no coração da cidade de Lisboa. O Museu tem origem no Real Museu de História Natural e Jardim Botânico da Ajuda, criados no século XVIII, embora este espaço já albergasse instituições de ensino desde o século XVII. O MUHNAC inclui lugares repletos de história, espaços de grande interesse histórico-científico e o Jardim Botânico (monumento nacional), o Laboratorio Chimico e seu emblemático anfiteatro, o Observatório Astronómico ou o antigo Picadeiro do Colégio dos Nobres. Além deste núcleo, o MUHNAC inclui também o Observatório Astronómico de Lisboa na Tapada da Ajuda. Os seus acervos incluem importantes coleções de história natural, de instrumentos e outros objetos científicos. Para além de duas dezenas de exposições, os visitantes encontrarão um largo conjunto de atividades, visando estimular a curiosidade e a compreensão sobre a Natureza e a Ciência e levando a Universidade de Lisboa à sua cidade e à sociedade em geral.

O MUHNAC - Museu Nacional de História Natural e da Ciência é a designação pública da unidade Museus da Universidade de Lisboa, criada em Outubro de 2011. Este Museu sucede ao Museu Nacional de História Natural e ao Museu de Ciência da Universidade de Lisboa, integrando as suas colecções, os antigos edifícios da Escola Politécnica, o Jardim Botânico de Lisboa e o Observatório Astronómico de Lisboa (desde Julho de 2012).

O Museu Nacional de História Natural teve a sua origem no Real Museu de História Natural e Jardim Botânico, criado na segunda metade do século XVIII, na Ajuda (Lisboa). Foi depois alojado, por um curto espaço de tempo, na Real Academia das Ciências e finalmente transferido para a Escola Politécnica (1858), tomando primeiro a designação de Museu Nacional de Lisboa (1861). O Jardim Botânico de Lisboa foi inaugurado em 1878. Em 1911 o Museu foi declarado estabelecimento anexo à Faculdade de Ciências, tomando a denominação de Museu Nacional de História Natural (1926). Em Março de 1978, um violento incêndio destruiu grande parte do edifício da antiga Escola Politécnica, assim como as coleções de Zoologia e parte das colecções de Geologia. A Faculdade de Ciências começou então o processo de mudança de instalações. Em Maio de 1985 foi criado o Museu de Ciência da Universidade de Lisboa, que passou a partilhar o espaço do Edifício da Politécnica com o Museu Nacional de História Natural. Em 2003, novos estatutos dos museus autonomizaram-nos da Faculdade de Ciências, passando a ser tutelados directamente pela Reitoria da Universidade de Lisboa.

Conteúdos da responsabilidade do museu e editados pela DGPC.

Contactos e
Localização

Tutela:
Universidade de Lisboa
Director(a):
José Pedro Sousa Dias
Endereço:
Rua da Escola Politécnica nº 54-60, 1250-102 Lisboa
GPS:
Lat: 38,7174658 Long: -9,150850200000036
Telf(s):
+ 351 213 921 800
E-mail:
geral@museus.ul.pt
Site:
http://www.mnhnc.ul.pt/

Autocarros urbanos: 6, 9, 74, 720, 727, 738, 758, 773, 92, 790
Metro: Rato

Exposições, Loja e Cafetaria: de terça a sexta das 10h00-17h00. Fins de semana das 11h00-18h00. Encerra às segundas-feiras e feriados.

Jardim Botânico: Verão (1 abril a 31 outubro) - todos os dias das 9h00 às 20h00; Inverno (1 novembro a 31 março) - todos os dias das 9h00 às 18h00. Encerra a 25 de dezembro e 1 de janeiro.

Ingresso

Exposições: Bilhete normal - 5,00€; Bilhete família (2 adultos + 2 crianças) - 12,50€ Jardim Botânico: Bilhete normal - 2,00€; Bilhete família (2 adultos + 2 crianças) - 5,00€ Exposições + Jardim Botânico: Bilhete normal - 6,00€; Bilhete família (2 adultos + 2 crianças) - 15,00€

Isenções:

Crianças até 6 anos e membros das seguintes associações: International Council of Museums (ICOM), Associação Portuguesa de Museologia (APOM), Liga dos Amigos do Jardim Botânico e eleitores com mais de 65 anos da Junta de Freguesia de Santo António - só Jardim Botânico.

Descontos:

Menores de 18 anos, maiores de 65, estudantes e funcionários da Universidade de Lisboa: exposições - 3,00€, Jardim Botânico - 1,00€, exposições + Jardim Botânico - 3,50€

Recepção

Loja

Cafetaria 

Exposições permanentes e temporárias

Auditórios: Manuel Valadares (130 lugares) e Aurélio Quintanhilha (90 lugares) 

Centro de Documentação/ Biblioteca: Especialização em História e Museologia das Ciências. 

Responsável: Victor Gens.

Actividades educativas, animação cultural, formação, conferências e eventos

Serviços Educativos 

Atividades: apoio às visitas escolares, sessões de Planetário, Observações Astronómicas, Oficinas e Laboratórios pedagógicos, Atividades de animação cultural de fim de semana.

Responsável: Gabriela Cavaco - gcavaco@museus.ul.pt.

• European Mammals – Carlos Almaça (1996) • Contribuição para o melhor conhecimento dos insectos – José Alberto Quartau & Luna de Carvalho (1998) • Darwinismo na Universidade Portuguesa (1865-1890) – Carlos Almaça (1999) • Objectos Naturais - Catálogo exposição (1999) • Museu Bocage. Ensino e exibição – Carlos Almaça (2000) • O Homem Medieval e a Biodiversidade – Carlos Almaça (2000) • O Fundo Bibliográfico da Escola Politécnica - Vol. 1 (Sec. XVI) e Vol. 2 (Sec. XVII) - Pilar Pereira (2000) • Pedra Filosofal: Rómulo de Carvalho, António Gedão (2001) • Minerais, Identificar, Classificar, Roteiro – Catálogo Exposição (2001-02) • A zoologia pré-lineana – Carlos Almaça (2002) • Jardim Botânico - Flores (2008) • O Museu de Ciência mostra as suas colecções – Marta C. Lourenço & Ana Eiró  (2009) • Guia de campo dos Briófitos e Líquenes das Florestas Portuguesas - Cecília Sérgio, Palmira Carvalho & César Garcia (2009) • Jardim Botânico - Palmeira (2009) • Colecções e museus de Geologia: missão e gestão – José M. Brandão, Pedro M. Callapez, Octávio Mateus & Paulo Castro (2010) • Sala do Veado. Vinte Anos (2010) • Fernando Bragança Gil e o Museu de Ciência da Universidade de Lisboa – Marta C. Lourenço & Ana Eiró (2010) • Guia de campo do Dia B – Bruno Pinto, Cristina Luís, Filipa Vala & Patrícia Garcia-Pereira  (2010) • Património da Universidade de Lisboa. Ciência e Arte – Marta C. Lourenço e Maria João Neto (2011) • A Aventura da Terra: um planeta em evolução – Maria Amélia Martins-Loução (2011) • Guia de Fundos do Arquivo Histórico do MUHNAC - Vítor Gens (2011) • Jardim Botanico de Lisboa – Fernando Catarino & José M. Rodrigues (2012) • A Cidade do Saber - Ana Pascoal (2012) • Insectos em ordem – Patrícia Garcia-Pereira, Eva Monteiro, Cristina Luís & Filipa Vala (2012) • Presos no Charco – Maria José Caramujo Carina Cunha, Carla Rocha de Carvalho, Cristina Luís (2012) • Formas e Fórmulas – Catálogo Exposição (2012-13) • O Laboratório Chimico da Escola Politécnica de Lisboa – Marta C. Lourenço (2013)

Última actualização: 30 Julho 2014

Rede Portuguesa de Museus

A Rede Portuguesa de Museus (RPM) é um sistema organizado de museus, baseado na adesão voluntária, configurado de forma progressiva e que visa a descentralização, a mediação, a qualificação e a cooperação entre museus.

A Rede Portuguesa de Museus é composta pelos 146 museus que atualmente a integram. A riqueza do seu universo reside na diversidade de tutelas, de coleções, de espaços e instalações, de atividades educativas e culturais, de modelos de relação com as comunidades e de sistemas de gestão.

+ Monumentos e Museus DGPC