Saltar para o conteúdo principal da página

Museu da Terra de Miranda

O Museu da Terra de Miranda está situado no centro histórico de Miranda do Douro, instalado na antiga Domus Municipalis da cidade, edifício do século XVII. Fundado em 1982, o museu evoca o tempo longo do planalto mirandês. A visita permite descobrir traços característicos da vida social e cultural de uma região cuja forte identidade, manifesta na presença da língua mirandesa (segunda língua oficial da República Portuguesa desde 1998) e ancorada na agricultura, na pecuária e no comércio de fronteira, passa hoje por evoluções profundas e rápidas.

O Museu da Terra de Miranda foi fundado em 1982 em resultado da atividade entusiasta do seu primeiro diretor, o Padre António Maria Mourinho (1917-1996), nos domínios da arqueologia, da história, da linguística e da etnografia da região. As reservas (parcialmente visitáveis), as exposições temporárias e a exposição permanente repartem-se pelas diversas salas de um edifício construído no século XVII e desde então continuamente reformulado e adaptado a funções variadas: cadeia, paços do concelho, loja, liceu… Além de algumas peças arqueológicas de interesse, o acervo é sobretudo etnográfico, virado para a descrição da vida da população de uma região rural fronteiriça entre o século XIX e o período contemporâneo.

Conteúdos da responsabilidade do museu e editados pela DGPC

Contactos e
Localização

Tutela:
Direção Regional de Cultura do Norte
Endereço:
Praça D. João III - 5210-190 Miranda do Douro
GPS:
Lat: 41,4943605 Long: -6,274196299999971
Telf(s):
+ 351 273 431 164
Fax(s):
+351 273 431 164
E-mail:
mterramiranda@culturanorte.pt

Estacionamento: Estacionamento gratuito para ligeiros e autocarros próximo do Museu.

Acessibilidade: Pelo facto de ser de construção antiga, o edifício do museu não tem acesso para cadeiras de rodas.

Terça-feira das 14h00 às 18h00.

Quarta-feira a domingo das 09h00 às 13h00 e das 14h00 às 18h00.

Encerrado ao público à segunda-feira e nos feriados de 1 de janeiro, domingo de Páscoa, 1 de maio e 25 de dezembro.

Ingresso

Bilhete normal: 2,00 €

Isenções:

Domingos e feriados até às 14h00
Crianças até aos 14 anos;
Membros da APOM, ICOM, Academia Nacional de Belas-Artes, Academia Portuguesa da História e Academia Internacional da Cultura Portuguesa (devidamente credenciados);
Investigadores, jornalistas e profissionais de turismo (devidamente credenciados);
Professores e alunos de qualquer grau de ensino no âmbito das visitas de estudo, desde que comprovadas documentalmente a sua condição (cartão pessoal) e o contexto da visita (por documento emitido pela respetiva instituição de ensino);
Mecenas do museu;
Funcionários dos serviços e organismos da Direção Regional de Cultura do Norte (devidamente credenciados).

Descontos:

50% Pessoas com idade igual ou superior a 65 anos; portadores de deficiência; Bilhete Família -- 1,00 €
60% Portadores de cartão Jovem - 0,80 €.

visitas comentadas

Actividades: visitas guiadas, ateliers pedagógicos.

Responsável: Dra. Celina Pinto mtm.celinapinto@culturanorte.pt 

Diversas publicações acerca de aspetos da cultura local.

TM 16junho14 - informação enviada pelo museu em 9dez13

Última actualização: 14 Agosto 2014

Rede Portuguesa de Museus

A Rede Portuguesa de Museus (RPM) é um sistema organizado de museus, baseado na adesão voluntária, configurado de forma progressiva e que visa a descentralização, a mediação, a qualificação e a cooperação entre museus.

A Rede Portuguesa de Museus é composta pelos 146 museus que atualmente a integram. A riqueza do seu universo reside na diversidade de tutelas, de coleções, de espaços e instalações, de atividades educativas e culturais, de modelos de relação com as comunidades e de sistemas de gestão.

+ Monumentos e Museus DGPC