Saltar para o conteúdo principal da página

Atividades diversas 7 de dezembro, às 13h00 e às 19h00

Visita orientada ao Presépio e Concerto de Cravo na CMAG

No dia 7 de dezembro a Casa Museu Dr. Anastácio Gonçalves acolhe uma visita orientada ao Presépio e um Concerto de Cravo 
 
Programa

13h30 – 14h | Visita orientada gratuita | Presépio | Maria de Fátima Ramos Branco
                                                               Lapinha, Madeira, cortiça, búzios e metal, Silva Porto, 1860
19h |Concerto “Uma noite espanhola ao cravo” | Michio O’Hara | Entrada livre

O Presépio é uma referência cristã, que nos remete para o nascimento de Jesus em Belém, na companhia de São José e da Nossa Senhora.

Executada no interior de caixa de madeira por Silva Porto aos 10 anos de idade com o auxílio de seu Pai, António da Silva Carvalho, cinzelador de profissão e autor do Menino Jesus. Data de 1860, de acordo com informação da neta, Dora Silva Porto. Adquirido à mesma em 1986.

 

Programa específico para população adulta ativa – “20 minutos com Arte – Conversas à hora do almoço

 

 

7 Dez. |19h| Uma noite Espanhola ao Cravo | Mishio O’Hara | Entrada livre 

 

Programa:

Uma noite espanhola ao cravo, dia 7 de dezembro 2016

Michio O’Hara – Cravo

 

Domenico Scarlatti (1685-1757)

Sonata Lá Maior, Andante cantabile, K.208

Sonata Ré Maior, Allegro, K.436

 

Antonio de Cabezón (1510-1566)
Tres obras sobre el canto llano del Ave Maris Stella, No.1

 

Anonimo (Espanha, século XVII)
Suite cortesana No.1
Las Vacas - Alamanda - Un Aire Alegre - Zarabanda - Danza del Acha - Canarios - El Villano

 

Antonio Soler(1729-1783)
Sontat lá menor, Allegro, R.118

Sonata Ré Maior, Allegro molto, R.84

Isaac Albeniz (1860-1909)
Tango (Suite "España - Spain"), Andante, Op.165-2

 

Sevillanas del Siglo XVIII

(Música folclórica)

 

Domenico Scarlatti (1685-1757)
Sonata ré menor, Andante, K.294

Sonata lá menor, Allegro, K.265

Don Félix Máximo López (1742-1821)

 

Michio O’Hara – Cravo

 

O’Hara, natural de Nagoya, Japão, dedica-se à interpretação de música antiga em instrumentos de tecla históricos, cravo e fortepiano. Da sua carreira concertista como solista destacam-se as suas participações no festival de música antiga “Alte Musik Treff” de Berlim, Alemanha, em 2005; no ciclo de concertos em Schleswig-Holstein, Alemanha, em 2006; nos concertos comemorativos dos 250 anos da morte de Domenico Scarlatti em Gelnhausen, Alemanha, e Nagoya, Japão, o concerto dado nesta cidade foi gravado para a televisão japonesa; concertos em Monte Compatri (Itália), Kwanjiu e Yeosu (Coreia do Sul) em 2008; concerto em Frascati, Itália, a convite da “Associazione Musicale Karl Jenkins” em 2012; recitais de música portuguesa para instrumentos de tecla em Berlim, Alemanha, Grottaferrata, Itália e Aveiro em 2013. Agora toca e dá concertos em Portugal todos os anos desde 2013. No ano de 2015 deu um Masterclass do cravo no Porto, em 2016 esteve convidado ao Masterclass no Conservatório de Música do Porto.

 

Foi director musical da Orquestra Barroca de Nagoya de 2009 até 2015. Do trabalho realizado com esta orquestra destacam-se a ópera “Xerxes” de G. F. Handel em 2013 e a ópera “Bastien und Bastienne” de W. A. Mozart em Abril de 2015.

 

Estudou musicologia na “University of Arts” de Aichi, Japão de 1997 a 2001, obtendo o 1º prémio nesta Universidade pela sua dissertação. De 2001 até 2005, estudou trompa natural com Oliver Kersken e cravo com Wiebke Weidanz e Michaela Hasselt na Hochschule für Musik und Theater de Leipzig, Alemanha. Diplomou-se nesta instituição como trompista natural em 2005. De 2005 até 2008 continuou ainda os seus estudos de cravo e fortepianocom Wiebke Weidanzna Hochschulefür Musikundder darstellenden Kunst de Frankfurt am Main, Alemanha. Em 2009 esteve na final do concurso “Osaka International Music Competition”.

 

É membro da “Sociedade Luso-Nippónica de Osaka” desde 2014, também é da organização de “Yamanote Music Festival” de Nagoya desde 2010.

 

Organização:
CMAG/DGPC
Local:
Casa-Museu Dr. Anastácio Gonçalves, LIsboa

Próximos Eventos