Skip Navigation

PDP 1 – Património Subaquático

·       PDP 1 – Património Subaquático Building capacity and skills for the conservation and management of underwater heritage

 

Promotor de projeto:

Direção-Geral do Património Cultural (DGPC)

Parceiro de projeto dos países doadores:

Museu Maritimo da Noruega (Norsk Maritimt Museum)

Financiamento total do projeto:

€ 995.000

Taxa de financiamento:

100%

Duração estimada:

48 meses

 

A Direção-Geral do Património Cultural é a detentora das coleções do património subaquático, mais precisamente o Departamento de Bens Culturais, através do laboratório de conservação e restauro do Centro Nacional de Arqueologia Subaquática (CNANS) vocacionado para a conservação de artefactos e estruturas provenientes de contextos arqueológicos submersos, sendo a única entidade nacional responsável por esta área e pela detenção da maior coleção de património subaquático português.

O objetivo fulcral do projeto é desenvolver uma nova abordagem, a nível nacional, de salvaguarda, proteção, conservação, preservação in situ, monitorização e disseminação da arqueologia e do património subaquático. Nesta área pretende-se colmatar as disparidades entre Portugal e outros países desenvolvidos com património semelhante, e inspirar para o futuro da gestão, estudo e conservação do património cultural subaquático.

Este projeto visa promover o investimento em recursos humanos e equipamentos especializados para a gestão e desenvolvimento de procedimentos de conservação.

Através da cooperação com os estados doadores, o projeto pretende estabelecer parcerias com instituições e investigadores dedicados à pesquisa, gestão e conservação do património arqueológico subaquático, estimulando o interesse das universidades em ensinar arqueologia náutica e subaquática em geral, e especificamente a conservação e restauro desse património. Estabelecerá, em particular, um procedimento de conservação integral dos recursos arqueológicos submersos, nas instituições portuguesas.

Componentes do projeto:

·       Programa de treino e capacitação para diferentes abordagens sobre manuseio, conservação e disseminação subaquática: ações de formação; workshops; visitas de estudo.

·       Conservação e monitorização do património subaquático: aquisição de equipamento tecnologia, como um digitalizador 3D, com formação integrada do mesmo; desenvolver técnicas de conservação para devolver o património às susas comunidades.

·       Gestão da paisagem cultural marítima: testar, em algumas áreas ao longo da costa portuguesa, diversos métodos para localizar, mapear e avaliar locais de património subaquático; monitorizar métodos fotogramétricos em sítios arqueológicos subaquáticos selecionados;avaliação e pesquisa do património subaquático nas áreas de teste, com base em informações de arquivos, população local e pesquisa arqueológica.

·       Disseminação e acesso ao património cultural:

Não digital: devolver bens culturais às comunidades locais para serem expostos em museus nacionais e locais; criar itinerários de património subaquático para mergulhadores e integrá-los no turismo de mergulho; exibições públicas nas comunidades pesqueiras, da origem dos ativos;

Digital: submeter e analisar as informações do arquivo para um banco de dados on-line existentes; desenvolver modelos 3D e reconstrução virtual, de modo a facilitar a visualização de sítios arqueológicos subaquáticos para não-mergulhadores.

Imagem 4 -> Património subaquático