Skip Navigation

Legislation 11/25/2020

Inscrição do Cantar dos Reis em Ovar no Inventário Nacional do Património Cultural Imaterial

Foi publicado no Diário da República n.º 228/2020, Série II de 2020-11-23 o Anúncio n.º 265/2020, relativo à Inscrição do Cantar dos Reis em Ovar no Inventário Nacional do Património Cultural Imaterial.

"A tradição de Cantar os Reis em Ovar é uma prática poético-musical multi-localizada, performada em colectivo, localmente, em espaços públicos e privados do concelho de Ovar por ocasião da Festa dos Reis Magos (6 de Janeiro), em formato apresentativo. Envolve a performance musical de repertórios polifónicos próprios contendo partes solisticas, de grupos corais e instrumentais (as trupes ou “troupes”) formados por ovarenses, dirigida a indivíduos ou instituições específicas, contendo mensagens cantadas alusivas aos valores de base cristã inspiradas pelos episódios do ciclo de Natal, nomeadamente o da visita dos Reis Magos.

A performance das Troupes de Reis promove trocas materiais (alimentos, bebidas e dinheiro) e simbólicas (música, poesia, canto, homenagem e reconhecimento pessoal) com os seus destinatários, que contribuem para a afirmação e redefinição permanente dos papéis sociais, sendo a performance musical o principal interface dessa relação dialógica. Esta prática está documentada ininterruptamente desde o século XIX, tendo no seu centro as Troupes de Reis, no âmbito das quais se dão os processos de transmissão e de renovação dos valores e dos conteúdos subjacentes. Um exemplo, entre outros, é o facto de a música incluir uma sequência codificada de três peças, designadas localmente por Saudação, Mensagem e Despedida, estrutura esta apreendida e compreendida no contexto dos ensaios e das apresentações anuais."

Para saber mais