Skip Navigation

Museu da Horta

O acervo do Museu da Horta é formado por um conjunto heterogéneo de coleções, abrangendo um vasto campo disciplinar que, na sua globalidade, diz respeito ao percurso histórico da ilha do Faial.

No Museu da Horta é possível ver artefactos de cariz etnográfico ligados às tecnologias tradicionais agrícolas, do linho e da lã, objetos tecnológicos relativos ao Porto da Horta, como das estações cabo-telegráficas do séc. XIX à primeira metade do séc. XX que operaram neste centro nevrálgico de comunicações no Atlântico Norte. Entre o seu acervo contam-se ainda peças de pintura e escultura dos séculos XVI a XX, e em especial, por ser única no mundo, a coleção de miolo de figueira da autoria do faialense Euclides Silveira da Rosa, que fez doação a este museu.

 

Núcleos

 

A “Casa Manuel de Arriaga” é um imóvel originário do séc. XVIII, classificado de Interesse Público, que foi a residência do 1º Presidente da República Portuguesa, eleito a 24 de agosto de 1911.

Este equipamento cultural evoca a insigne figura faialense, Manuel de Arriaga, 1º Presidente da República Portuguesa, que ali nasceu e viveu grande parte da sua juventude.

A Casa Manuel de Arriaga, núcleo do Museu da Horta, para além de fixar a memória do primeiro Presidente da República e o seu tempo, projeta-se na substância dos seus ideais e valores republicanos, como um núcleo moderno de reflexão e de estímulo à participação cívica.

Contacts and
Localization

Governing body:
Direcção Regional da Cultura dos Açores
Director:
Luís Manuel Machado Meneses
Address:
Palácio do Colégio - Largo Duque Ávila Bolama 9900-141 Faial
GPS:
Lat: 38.53736350933204 Long: -28.62659918518068
Phone(s):
+351 292 392784
Fax(s):
+351 292 293441
E-mail:
museu.horta.info@azores.gov.pt
Site:
http://www.azores.gov.pt/Portal/pt/entidades/Museu+da+Horta/

Last change: 19 October 2018

Rede Portuguesa de Museus

A Rede Portuguesa de Museus (RPM) é um sistema organizado de museus, baseado na adesão voluntária, configurado de forma progressiva e que visa a descentralização, a mediação, a qualificação e a cooperação entre museus.

A Rede Portuguesa de Museus é composta pelos 146 museus que atualmente a integram. A riqueza do seu universo reside na diversidade de tutelas, de coleções, de espaços e instalações, de atividades educativas e culturais, de modelos de relação com as comunidades e de sistemas de gestão.

+ DGPC Museums and Monumentos